165 mil veículos devem passar pela Freeway no retorno do feriadão de Ano-Novo

A Triunfo Concepa prevê que cerca de 165 mil veículos voltem do litoral pela Freeway no fim deste feriadão de Ano-Novo. São esperados 75 mil veículos nesta segunda-feira (1º) e outros 90 mil na terça-feira (2) passando pelo pedágio de Santo Antônio da Patrulha.

Para evitar lentidão, a recomendação é de que os motoristas iniciem a viagem na manhã desta segunda ou após as 18h da terça-feira.

Entre quinta-feira e sábado, a Freeway teve um total de 197 mil veículos rumo ao litoral, superando em 12 mil a expectativa da concessionária para o período. A maior concentração de veículos na ida ocorreu na tarde e noite de sexta-feira e no sábado de manhã – com uso do acostamento como faixa adicional para ajudar na fluidez em alguns momentos. Durante toda a tarde e noite de sábado o tráfego fluiu bem, sem pontos de congestionamento. A Operação Papa Fila foi realizada tanto na praça de pedágio de Gravataí quanto na de Santo Antônio da Patrulha, em diferentes momentos, para agilizar o pagamento da tarifa.

Para facilitar o deslocamento de retorno, a Triunfo Concepa poderá, em ação conjunta com a PRF e a PRE, liberar o acostamento como faixa adicional entre os quilômetros 1,5, em Osório, e 26, em Santo Antônio da Patrulha, no sentido litoral-Porto Alegre. Os motoristas devem ficar atentos à sinalização na rodovia, feita com painéis de luzes piscantes. Quando eles estiverem ativados, o tráfego pelo acostamento é autorizado, mas apenas neste trecho. Ao trafegar no acostamento como faixa adicional a velocidade máxima permitida passa a ser de 70 km/h.

Para avaliar se é uma boa hora de fazer a viagem, os motoristas podem usar os canais de comunicação da concessionária para obter informações sobre as condições de tráfego no momento. A Triunfo Concepa dispõe de site e aplicativo que indicam quantos veículos passam por minuto em diferentes pontos da estrada, câmeras de monitoramento e alertas de ocorrências, entre outros. Também há a Radiovia Freeway 88.3 FM e os perfis da concessionária no Twitter e Facebook.

Comentários