Após votação acirrada, Corte Eleitoral do Uruguai adia o anúncio do novo presidente


Os candidatos são o governista Daniel Martínez e o liberal-conservador Luis Lacalle Pou
(Foto: Reprodução/Twitter)

O próximo presidente do Uruguai será conhecido apenas na quinta (28) ou sexta-feira (29), informou a Corte Eleitoral do país, que examinará os votos. Com 100% das urnas apuradas, o candidato de oposição Luis Lacalle Pou aparece com 48,7% dos votos válidos contra 47,5% do governista Daniel Martínez, o que representa empate técnico.

Até o dia do segundo turno das eleições presidenciais do Uruguai, realizado no domingo (24), as pesquisas indicavam vitória confortável de Lacalle Pou, do Partido Nacional, de oposição. Porém, as projeções de boca de urna divulgadas logo após o término da votação já indicavam que o resultado seria parelho — com vantagem apertada para o candidato liberal-conservador.

Martínez venceu o primeiro turno das eleições no Uruguai. No entanto, os candidatos derrotados que obtiveram votação relevante anunciaram apoio a Lacalle Pou, o que indicava a interrupção de um ciclo de 15 anos de governo da Frente Ampla, coalizão de esquerda do atual presidente, Tabaré Vazquez.

Nem Lacalle Pou nem Martínez declararam vitória – ambos preferem aguardar o resultado da Corte Eleitoral. Segundo o jornal El País, militantes dos dois candidatos repetem a frase: “É preciso esperar”.

Comentários