Balança comercial brasileira fecha 2020 com superávit de quase 51 bilhões de dólares

O superávit é registrado quando as exportações superam as importações. (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 50,995 bilhões em 2020, informou o Ministério da Economia nesta segunda-feira (04). O valor é superior ao saldo de 2019, quando foi registrado um superávit de US$ 48,036 bilhões.

No somatório do ano, as exportações atingiram US$ 209,921 bilhões, e as importações, US$ 158,926 bilhões. Considerando a média diária, o Brasil exportou 6,1% a menos em 2020 na comparação com 2019 e registrou importações 9,7% menores no período. O superávit é registrado quando as exportações superam as importações. Quando acontece o contrário, há déficit comercial.

Em dezembro, a balança brasileira registrou déficit de US$ 42 milhões, o que influenciou negativamente o resultado do ano. As exportações somaram US$ 18,365 bilhões, e as importações, US$ 18,407 bilhões.

Quando se leva em consideração a média por dia útil, as exportações de dezembro registraram queda de 5,3% em relação a dezembro de 2019. Já as importações apresentaram alta de 39,9%.

Comentários