Bloqueio de R$ 157 milhões pode prejudicar calendário de pagamento do Governo gaúcho

Na ultima sexta-feira (8), uma decisão judicial bloqueou de diferentes contas do Estado a verba equivalente a R$157 milhões para pagamento de precatórios através de uma ação judicial. O valor é decorrente de repasses federais do Fundo de Participação dos Estados, Simples Nacional e Imposto sobre Produtos Industrializados e estava sendo transferido ao Estado pelo Banco do Brasil.

Segundo o governo do Estado, o bloqueio dos valores irá interferir em diversos pagamentos do executivo, inclusive no pagamento da folha dos servidores anunciado no dia 31 de janeiro por Eduardo Leite. A PGE já procura medidas para reverter o sequestro dos recursos. De acordo com a Secretaria da Fazenda, estimasse que ainda será possível pagar os servidores que ganham até R$ 2.250,00 até a data definida, 11 de fevereiro.

Comentários