Bolsonaro diz que está “muito bem” com o uso da hidroxicloroquina

Bolsonaro postou uma foto tomando café da manhã no Palácio da Alvorada. (Foto: Reprodução/Twitter)

Em isolamento no Palácio da Alvorada após contrair o novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta quarta-feira (08), que está “muito bem”. Em postagem nas suas redes sociais, ele atribuiu a ausência de sintomas mais graves da Covid-19 ao uso da hidroxicloroquina, medicamento sem eficácia comprovada no tratamento da doença.

“Aos que torcem contra a hidroxicloroquina, mas não apresentam alternativas, lamento informar que estou muito bem com seu uso e, com a graça de Deus, viverei ainda por muito tempo”, escreveu, incluindo na postagem uma foto tomando café da manhã no Palácio da Alvorada.

“Todas as medidas de isolamento adotadas por governadores e prefeitos sempre visaram retardar o contágio enquanto os hospitais se preparavam para receber respiradores e leitos UTIs”, declarou o presidente. “O nosso governo atendeu a todos com recursos e meios necessários. Mais ainda, criamos meios para preservar empregos e auxiliamos com cinco parcelas de R$ 600 um universo de 60 milhões de informais/invisíveis”, prosseguiu.

“Nenhum país do mundo fez como o Brasil. Preservamos vidas e empregos sem propagar o pânico, que também leva a depressão e mortes. Sempre disse que o combate ao vírus não poderia ter um efeito colateral pior que o próprio vírus”, finalizou Bolsonaro.

Comentários