Bolsonaro fala em 10 milhões de desempregados por causa do coronavírus

Ao falar sobre o total de desempregados no Brasil em razão da crise econômica provocada pelo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro citou uma estimativa de 10 milhões de empregos formais perdidos durante a pandemia.

O número, se correto, corresponderia a um aumento de 77% em relação à quantidade total de desempregados atualmente no País. As informações mais recentes divulgadas pelo IBGE indicam que, no fim de março, o Brasil tinha 12,9 milhões de desempregados.

“Eu não posso passar por cima do Supremo Tribunal Federal. Inclusive, estão aumentando as medidas protetivas. Pessoal, já está na casa dos 10 milhões de desempregados no Brasil, formais”, declarou Bolsonaro na quinta-feira (07) ao criticar o isolamento social determinado por governadores.

O presidente atribuiu a informação sobre o número de empregos perdidos por causa da pandemia ao ministro da Economia, Paulo Guedes.

Comentários