Câmara retoma votação de destaques no texto da Previdência nesta sexta

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, convocou para a manhã desta sexta-feira (12) sessão extraordinária para prosseguir a votação dos destaques ao texto da reforma da Previdência aprovado nesta quinta-feira (11), em primeiro turno. Até às 2h da manhã, os deputados haviam analisado 11 destaques.

O próximo destaque que será analisado é do Partido Democrático Trabalhista (PDT), que pretende diminuir de 100% para 50% o pedágio de uma das regras de transição, válida para os segurados do Regime Geral de Previdência Social e do regime próprio dos servidores públicos.

Próximos passos

Depois de aprovados os destaques, o texto seguirá para o Senado Federal, onde será discutido em agosto e votado em setembro. Rodrigo Maia afirmou nesta quinta que a intenção hoje é votar em segundo turno, para encerramento durante a noite. “Estou trabalhando para concluir os trabalhos da reforma”, afirmou.

Comentários