Com um gol nos descontos, o Grêmio venceu o Coritiba fora de casa por 1 a 0 e está de volta à vice-liderança do Campeonato Brasileiro

FONTE: O SUL – http://www.osul.com.br/

Jogando fora de casa na noite desse domingo, o Grêmio venceu o Coritiba por 1 a 0, pela vigésima-oitava rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi marcado pelo volante Ramiro aos 46 minutos do segundo tempo. Com esse resultado, o Tricolor gaúcho subiu da quarta para a segunda posição na tabela, com 49 pontos, enquanto os donos da casa se mantiveram na vice-lanterna da competição, com 28 pontos.

A vitória no estádio Couto Pereira também reduziu a distância para o líder Corinthians, que jogando no mesmo horário perdeu por 2 a 0 para o Bahia (décimo colocado) em Salvador, estagnando em 58 pontos. Essa configuração da tabela, entretanto, poderá mudar na noite desta segunda-feira, quando o Santos (terceiro lugar, com 48 pontos) enfrenta o Vitória-BA (décimo-quinto) no estádio Pacaembu, em São Paulo. Em caso de vitória, o Peixe ultrapassará o Grêmio.

Escalações

O Grêmio do técnico Renato Portaluppi colocou em campo Marcelo Grohe, Edílson, Pedro Geromel, Walter Kannemann, Bruno Cortez, Jailson, Arthur, Ramiro, Fernandinho (Jael), Lucas Barrios (Beto da Silva) e Arroyo (Everton).

Já o Coritiba, sob o comando de Marcelo Oliveira, escalou Wilson, Dodô, Werley, Cléber Reis, Thiago Carleto, Alan Santos, Jonas, Matheus Galdezani (Yan Sassse), Tiago Real (Neto Berola), Rildo (Anderson) e Henrique Almeida.

O jogo

A saída de jogo foi do Tricolor, mas o Coxa quem chegou primeiro com Henrique Almeida pela direita. O atacante tentou cruzamento, mas Edílson fez o corte e Geromel afastou. Em resposta, foi a vez de Fernandinho descer pela direita, mas ao receber, foi flagrado em posição irregular.

Aos 3’, os paranaenses tiveram uma chance em cobrança de falta. Thiago Carleto mandou direto, obrigando Grohe a espalmar para escanteio. Na cobrança, Matheus colocou na marca penal e Werley subiu de cabeça. Livre, mandou no canto esquerdo de Marcelo, para fora.

Outra vez no ataque, o Coxa tentou com Tiago Real, pela direita, que ia recebendo um cruzamento, mas Jailson saiu bem e fez o desarme, conseguindo tiro de meta. E seguiu pressionando. Aos 12’, o Grêmio atacou com Edilson, pela direita, até que o lateral foi derrubado por Jonas. Na cobrança da falta, Edilson colocou no segundo poste, mas Cleber tirou para escanteio.

O Tricolor chegou mais uma vez aos 32’, com um escanteio. Fernandinho colocou na cabeça de Geromel, que mandou com perigo. A bola passou perto, mas saiu à direita do goleiro paranaense. Pressionando, Fernandinho fez um lançamento para Edilson, que tentou o cruzamento, mas Werley cortou para escanteio.

No segundo tempo, a primeira chegada foi do Coritiba, com Rildo, que recebeu pela esquerda e ajeitou para Tiago Real. Ele acionou Dodô, mas mandou mal. Em seguida, Carleto colocou na área, Alan Santos desviou e Werley finalizou, acertando a trave de Marcelo Grohe.

O Grêmio seguiu no ataque. Geromel fez um lançamento do campo defensivo, mas Wilson saiu do gol e Cléber desviou para trás, quase marcando um gol-conta. Na cobrança de escanteio, Arroyo mandou na área, mas Werley tirou. Já o Coxa chegou com perigo aos 24’, com Carleto cobrando uma falta na área. Cleber dividiu com zaga tricolor, que afastou o perigo.

Aos 34’, Jailson fez um bom lançamento para Beto da Silva. O jogador recebeu e mandou a gol, mas arbitragem já havia assinalado impedimento e acabou dando cartão amarelo ao jogador por dar sequência ao lance.

Aos 40’, Arthur tabelou com Everton e quando entrava na área, Carleto mandou a escanteio. Edílson levantou na área, a defesa afastou, mas Fernandinho tentou o chute da entrada da área. A bola desviou em Jailson, impedido.

Aos 46 minutos, o Grêmio chegou ao gol. Jael saiu do campo de defesa em velocidade, passando pela marcação dos donos da casa. Ele conseguiu acionar Ramiro, na esquerda. O volante entrou livre na área e chutou forte, sem chances para o arqueiro paranaense. O apito final soou aos 48′.

Comentários