Eleição para a presidência da Câmara dos Deputados opõe candidatos de Bolsonaro e Rodrigo Maia

Câmara e Senado elegem os seus novos presidentes nesta segunda. (Foto: Marcello Casal Jr./ABr)

A Câmara dos Deputados realiza nesta segunda-feira (1º), a partir das 19h, a eleição para a escolha do presidente que comandará a Casa no biênio 2021-2022. A votação será secreta e presencial.

Pelo menos oito deputados estão na disputa. O prazo para as candidaturas serem oficializadas termina às 17h. Os principais nomes são o do líder do Centrão, Arthur Lira (PP-AL), que tem o apoio do presidente Jair Bolsonaro; e o de Baleia Rossi (MDB-SP), candidato do atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que tenta emplacá-lo como sucessor.

A eleição tem um peso grande não só porque cabe ao presidente da Câmara definir as pautas de votação, mas também porque ele decide, sozinho, se autoriza ou não a abertura do processo de impeachment do presidente da República.

Outro fator relevante é que o presidente da Câmara ocupa o segundo lugar na linha de sucessão da Presidência da República. De olho nisso, o Palácio do Planalto entrou de cabeça nas articulações a fim de angariar apoio a Lira, considerado um aliado.

Adversários acusaram o Executivo de liberar, em troca de votos, recursos extras para parlamentares aplicarem em obras em seus redutos eleitorais.

Candidatos

  • Alexandre Frota (PSDB-SP) – Candidatura avulsa, sem o apoio de partidos
  • André Janones (Avante-MG) – Candidatura avulsa, sem o apoio de partidos
  • Arthur Lira (PP-AL) – Tem o apoio de pelo menos dez partidos (PSL, PP, PL, PSD,Republicanos, PSC, Avante, Patriota, PTB e Pros)
  • Baleia Rossi (MDB-SP) – Tem apoio de pelo menos dez partidos (PT, MDB, PSDB, PSB, PCdoB, Rede, PV, Solidariedade, Cidadania e PDT)
  • Fábio Ramalho (MDB-MG) – Candidatura avulsa, sem o apoio de partidos
  • General Peternelli (PSL-SP) – Candidatura avulsa, sem o apoio de partidos
  • Luiza Erundina (PSOL-SP) – Candidata do PSOL
  • Marcel van Hattem (Novo-RS) – Candidato do Novo

Senado

Cinco senadores disputam a presidência do Senado para os próximos dois anos nesta segunda-feira. São eles: Jorge Kajuru (Cidadania-GO), Lasier Martins (Podemos-RS), Major Olimpio (PSL-SP), Rodrigo Pacheco (DEM-MG) e Simone Tebet (MDB-MS).

A eleição para suceder o atual presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), está prevista para ocorrer a partir das 14h, de forma presencial. O voto é secreto.

Comentários