Empresa suspeita pela alteração do gosto e do odor da água de Porto Alegre tem atividades suspensas pela Fepam

A Fepam (Estadual de Proteção Ambiental) do Rio Grande do Sul suspendeu atividades da empresa Cettraliq (Central de Tratamento de Efluentes Líquidos Ltda), na Zona Norte de Porto Alegre,  nesta quarta-feira (10). A empresa faz o tratamento de águas contaminadas para empresas e despeja o resultado no lago Guaíba.

Com a medida da Fepam, a Cettraliq está proibida de jogar efluentes no manancial. Ela é suspeita da alteração da água da capital gaúcha, que há meses vem apresentando gosto e cheiro ruins.

Comentários