Familiares de ministros do Supremo também sofrem ameaças

Familiares de ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) também vêm sofrendo ameaças. Os casos já foram encaminhados à Secretaria de Segurança da Corte.

Há alguns dias, o presidente do tribunal, Dias Toffoli, enviou aos colegas um ofício recomendando que eles reforçassem a segurança pessoal depois que a PF (Polícia Federal) informou que os ministros poderiam sofrer ataques de uma suposta célula terrorista, de acordo com informações da colunista Mônica Bergamo.

Os supostos terroristas teriam dito, em suas comunicações, que os ministros mantêm uma rotina que facilita o contato físico e visual. Seriam, portanto, autoridades de fácil acesso a indivíduos que pretendem fazer algum ataque.

Comentários