Gaúcho é indiciado pelo atropelamento que matou uma pessoa e feriu outras duas em Florianópolis

Motorista está foragido desde o incidente no réveillon. (Foto: Reprodução)

Responsável pelo triplo atropelamento que matou uma pessoa e feriu gravemente outras duas na praia dos Ingleses, em Florianópolis (SC), o gaúcho Jeferson Souza Bueno, 29 anos, foi indiciado pela Polícia Civil por homicídio doloso qualificado, lesão corporal grave e lesão corporal gravíssima. O incidente ocorreu na madrugada do réveillon, quando os três foram atingidos na calçada pelo automóvel esportivo Camaro dirigido por Bueno. Ele fugiu do local sem prestar socorro às vítimas.

O indiciamento tem por base as informações levantadas por meio de depoimentos, laudos, reconstituições e análise de imagens de câmeras de segurança. Ficou constatado que, na ocasião, Bueno – que está foragido desde o atropelamento – dirigia a uma velocidade de quase 90 quilômetros por hora, acima do permitido no local.

Defesa

Já a defesa do indicado alega que a culpa foi do motorista de um Audi, que teria colidido lateralmente no Camaro, causando o acidente. O jovem foi ouvido pelas autoridades catarinense, mas não foi indiciado. A hipótese de um racha entre os dois carros no local foi descartada.

Comentários

Comentários

14 Comentários

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.