Governo anuncia agenda de pagamento dos servidores em julho

Palácio Piratini, sede do governo do RS. (Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini)

A Secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul apresentou o novo sistema de pagamento dos servidores públicos nesta quinta-feira (27). A quitação será por “grupos” e por “parcelas”, mesmo método que vinha sendo adotado desde o início do ano e, conforme o governo do estado, garante a quitação dos salários para 72% do funcionalismo.

A previsão é de que todos os servidores do Executivo estadual que recebem até R$ 4 mil líquidos sejam pagos até 15 de julho. Já até o dia 23 do mesmo mês, serão quitados os salários de quem recebe até R$ 4,5 mil líquidos, valor que também será pago a todos os demais servidores.

O governo do estado garantiu que 77% dos servidores receberão a totalidade dos salários até 23 de julho. Para a quitação total dos vencimentos dos demais vínculos, as datas de pagamento serão anunciadas no dia 15 de julho. Segundo explicou o secretário Marco Aurelio Cardoso, a mudança de metodologia foi necessária para priorizar o pagamento dos menores salários e evitar que os demais servidores ficassem sem nenhum depósito até o dia 23 de julho.

“Este foi um esforço necessário num momento em que, mais uma vez, a crise do Estado exige alternativas diante do cenário econômico e da recorrente falta de recursos, buscando a previsibilidade possível para os servidores. É, acima de tudo, uma medida de transparência com a sociedade gaúcha”, avaliou o secretário.

Comentários