Governo anuncia bloqueio de R$ 1,44 bilhão no orçamento

O Ministério da Economia anunciou nesta segunda-feira (22) um novo bloqueio de gastos de R$ 1,44 bilhão no orçamento deste ano. Com um déficit primário que chega a R$ 139 bilhões de reais , o governo teria que cortar R$ 2,25 bilhões, no entanto, a equipe econômica preferiu usar R$ 809 milhões da reserva orçamentária e assim evitar um bloqueio ainda maior.

Com o crescimento da economia diminuindo a cada novo levantamento, a arrecadação de impostos também cai, o que acaba fazendo com que o teto de R$ 193 bilhões fixado para este ano seja mais difícil de ser atingido. O presidente Jair Bolsonaro afirmou, no sábado, que ao invés de cortar recursos de vários ministérios o melhor a se fazer era “matar apenas um”.

Vale ressaltar que essa não é a primeira vez que o governo Bolsonaro realiza tal ação. No 1º bimestre, foram contingenciados R$ 29,79 bilhões que afetaram fortemente o Ministério da Educação (MEC), causando protestos.

A medida foi anunciada durante a divulgação do Relatório Bimestral de Avaliação de Receitas e Despesas referente ao 3º bimestre. O relatório confirmou ainda a revisão de parâmetros para a economia, divulgada em 12 de julho. A previsão para crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) caiu de 1,6% para 0,81%, e para inflação, de 4,1% para 3,8%.

Comentários