Governo do RS lança medidas para modernizar administração tributária

(Foto:Reprodução)

Medidas para modernizar a administração tributária foram lançadas pelo governo do Rio Grande do Sul durante evento nesta segunda-feira (10), no Tecnopuc, em Porto Alegre. Denominadas “Receita 2030: Rumo à Receita Digital”, as iniciativas são decorrentes de decreto assinado pelo governador Eduardo Leite em 2 de janeiro – que estabeleceu a necessidade de otimização e eficiência da arrecadação – e fazem parte do processo de recuperação fiscal e de promoção do desenvolvimento do estado.

Elas serão colocadas em prática ao longo dos próximos quatro anos. O objetivo é criar a Receita Estadual que o governo quer para daqui duas décadas e um estado mais atrativo para investidores.

Medidas

Uma das medidas é a simplificação na arrecadação, onde pagar tributos estaduais ficará mais confiável e com uma maior facilidade. Débito em conta, cartão de crédito, geração de boletos e uso do débito direto autorizado (DDA). Todas essas opções estarão à disposição dos contribuintes gaúchos, em qualquer lugar do país, para quitar IPVA e outros impostos estaduais, a partir de 2020.

“Nosso foco não é arrecadar mais, é arrecadar melhor. O que a gente quer é tornar simples o sistema tributário para que o setor produtivo possa canalizar sua energia naquilo que efetivamente vai gerar riqueza. Viabilizando a arrecadação, o Estado poderá devolver em políticas públicas e serviços qualificados para a sociedade”, destacou o governador no lançamento do Receita 2030.

Quer ter acesso às 30 medidas lançadas nesta segunda? Clique aqui

Comentários