Governo restringe a entrada de passageiros estrangeiros de voos internacionais no Brasil

O governo federal decidiu restringir por 30 dias a entrada de passageiros estrangeiros de voos internacionais no Brasil. A medida valerá a partir de segunda-feira (23) e foi adotada em razão da pandemia do novo coronavírus.

A portaria foi publicada no Diário Oficial da União e lista países como China, Austrália e Japão, além de nações da União Europeia. A restrição não se aplica a brasileiros, nascidos ou naturalizados, nem a imigrantes com prévia autorização de residência no Brasil.

Assinaram o ato os ministros Walter Souza Braga Netto (Casa Civil), Sérgio Moro (Justiça), Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura) e Luiz Henrique Mandetta (Saúde).

Antes, o governo publicou uma portaria na qual determinou o fechamento das fronteiras do Brasil com países vizinhos da América do Sul em decorrência da pandemia de coronavírus. A medida vale para estrangeiros que estejam nesses países e queiram entrar no Brasil. Cidadãos brasileiros que estiverem nesses locais podem ingressar no País.

Comentários