Grêmio vence com bravura e joga pelo empate na partida de volta

Forte, aguerrido e bravo. Assim foi o Grêmio que venceu o Palmeiras por 2×1 na noite dessa quarta-feira (28), na Arena pelas quartas de final da Copa do Brasil. A vitória dá a vantagem ao tricolor na próxima partida, que será disputada no dia 19/10. Mesmo sofrendo um gol em casa, a atuação do time dá ao torcedor a esperança da classificação para a semi-final.

Primeiro Tempo

Acesso. Foi assim que o tricolor entrou em campo para a partida contra o Palmeiras. Sem Henrique Almeida, e com Ramiro na meia canja, acumulando assim três volantes, se pensava que o time seria precavido e deixaria o alviverde jogar. Porém foi o contrário que aconteceu. Com o posicionamento de Luan onde ele mais rendeu até aqui na temporada, os espaços criados por ele, fizeram com que os volantes crescessem de rendimento.

Bem posicionado na frente, e criando chances de gol o Grêmio de Renato manteve o controle do jogo sem ser ameaçado pelos palmeirenses. Em uma boa jogada de Luan, Ramiro recebeu um belo passe pelo lado direito e chutou forte e por cima do goleiro Jaílson, a bola encobriu o arqueiro e entrou no ângulo. Estava aberto o placar em favor do Grêmio aos 32′ do primeiro tempo.

O segundo gol foi reflexo de um time que entrou ligado e com muita vontade em campo. Depois de uma bola na trave, a bola sobrou na área e Pedro Rocha colocou para dentro. Eram 45′ do segundo tempo e o segundo gol pôs fim em um primeiro tempo onde o time da casa foi superior e mais marcador. Estancou a bola aérea, um dos pontos fortes do time paulista, e não permitiu que Gabriel Jesus fizesse que mais sabe, gol.

Segundo Tempo

A partida recomeçou e em uma boa jogada Gabriel Jesus recebeu livre dentro da área tricolor, o que não tinha acontecido ainda na partida, Marcelo Grohe tocou no jogador por baixo e cometeu o pênalti. O árbitro deu o cartão amarelo para o goleiro Gremista. Zé Roberto converteu a penalidade e descontou para o Palmeiras. Jogando em casa, o tricolor retomou o controle do jogo, porém o Palmeiras era muito perigoso nos contra-ataques.

Após o gol de pênalti, a partida ficou equilibrada e os nervos começaram a tomar conta dos jogadores. O árbitro, perdeu o controle da partida e tentava manter os ânimos dos jogadores na base da conversa. Em uma jogada pelo lado direito, Pedro Rocha encontrou Luan dentro da área, o meia chutou forte, a bola passou pelo lado do go9l de Jaílson. Cuca e Renato, modificaram as equipes. Cuca, colocou Rafael Marque, e Renato Rafael Thiere. Sem tempo para mais nada a partida se encaminhou para o final. A próxima partida será no dia 19/10 no Allianz Parque. Com a vitória por 2×1 o tricolor tem a vantagem de qualquer empate .

Comentários