Guarda Municipal de Porto Alegre divulga balanço da Operação Carnaval

De sexta a terça-feira foram recebidas 32 denúncias relacionadas à aglomeração. (Foto: Giulian Serafim/PMPA)

Durante os quatro dias da Operação Carnaval, a Guarda Municipal efetuou oito ações de dispersão de aglomerações em vias públicas, nos bairros Moinhos de Vento, Cidade Baixa, na Orla Moacyr Scliar e na orla de Ipanema. Com foco na prevenção, as ações foram realizadas em conjunto com a EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação) e Brigada Militar. O movimento foi abaixo do esperado nesse período na Capital, contribuindo o clima, por vezes chuvoso, e o fluxo de porto-alegrenses rumo ao litoral.Destas, dez eram improcedentes. Foram autuados e interditados seis estabelecimentos comerciais por estarem em desacordo com os decretos e protocolos sanitários da Covid-19.

“A Guarda Municipal agradece a todas as instituições que estão lado a lado pela segurança sanitária municipal, mas sobretudo agradece à população que contribuiu de alguma forma, seja não efetuando aglomerações ou através de denúncias, para que estes números fossem bem abaixo do esperado”, destacou o comandante da GM, Marcelo Nascimento. As ações de fiscalização e segurança vão continuar até que a cidade esteja livre da pandemia. “Esperamos continuar contando com a colaboração do setor econômico e da população em geral. Somente juntos venceremos este desafio”, diz.

Para o secretário municipal de Segurança, Mário Ikeda, a atividade da Guarda foi essencial para a manutenção do distanciamento social nesse período. “Lamentavelmente, não tivemos a compreensão de parte da população, mas a Guarda Municipal se manterá firme na sua missão.”

Comentários