Investigação descobre filho de prefeito e empresários na lista de fraudes do auxilio emergencial.

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni anunciou que o governo já recuperou quase R$ 30 milhões em fraudes e erros do auxílio emergencial. O ministro garantiu em Brasília, que as fraudes no pagamento do auxílio extra de R$ 600 por conta da crise do novo coronavírus estão sendo investigadas pela Agência Brasileira de Inteligência. A investigação apurou em todo o Brasil casos de familiares de prefeitos,vereadores, políticos, e empresários que ostentam alto padrão econômico nas redes sociais, entre os beneficiários do auxilio emergencial.
O ministro disse que vários sites falsos já foram derrubados. “Esses recursos são para as pessoas; não é para fraudador”, afirmou.
Onyx Lorenzoni alertou: “Fraudadores, atenção, vocês vão acabar na cadeia.”
No Rio Grande do Sul, uma reportagem da rede RBS apontando fraudadores, foi censurada pelo Justiça do município de Espumoso.

Comentários