Mais de 5 mil candidatos faltaram a pelo menos um dos quatro dias de provas do vestibular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

A Coperse (Comissão Permanente de Seleção) divulgou, na manhã desta quinta-feira (10), o balanço final do vestibular 2019 da Ufrgs (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), que terminou na quarta-feira (09) com as provas de história e matemática. Dos 28.503 inscritos, 5.397 faltaram a pelo menos um dos quatro dias de provas, o que representa uma abstenção total de 18,93%.

A prova de história teve média de 11,2424 e desvio padrão 3,8075, enquanto a média do exame de matemática foi de 9,7705, com desvio padrão de 5,1210. O vestibular da universidade federal iniciou no domingo (06), com as provas de física, literatura em língua portuguesa e língua estrangeira. Na segunda-feira (07), foram aplicados os exames de português e redação, que neste ano abordou o tema adolescência e maturidade, a partir de um texto do psicanalista Contardo Calligaris.

Na terça-feira (08), foi a vez de biologia, geografia e química. Os candidatos prestaram as provas em Bento Gonçalves (três escolas), Imbé/Tramandaí (quatro escolas) e Porto Alegre (39 escolas), totalizando 46 locais. Os gabaritos e médias de todas as provas estão disponíveis no site www.vestibular.ufrgs.br.

O listão com os aprovados deve ser divulgado até o dia 21 de janeiro. Já o boletim com o desempenho individual de cada vestibulando estará disponível no Portal do Candidato em até cinco dias úteis após a divulgação do resultado. A partir de segunda-feira (14), a universidade oferece plantão de atendimento de dúvidas sobre o processo de matrícula, de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, no Museu da Ufrgs, no campus Centro, em Porto Alegre. O plantão estará disponível até o dia 1º de fevereiro.

Vestibular em novembro

A próxima edição do vestibular da Ufrgs terá mudança em relação aos últimos anos. A seleção para ingresso em 2020 será feita ainda neste ano e não mais em quatro dias seguidos. As provas serão aplicadas nos finais de semana de 23 e 24 de novembro e de 30 de novembro e 1º de dezembro. Até o momento, não foram definidos os detalhes da aplicação nesse novo modelo, o que estará em discussão nas instâncias da universidade federal nos próximos meses.

A antecipação da data de aplicação das provas do vestibular faz parte de um conjunto de medidas implementadas pela universidade para otimizar os processos de matrículas e a ocupação das vagas. Dessa forma, a Ufrgs terá mais tempo para as análises de documentos e aferições exigidas aos candidatos classificados para ingresso pelo Programa de Ações Afirmativas e também poderá fazer mais chamamentos para ocupação de vagas remanescentes.

Comentários