Ministro do Supremo Celso de Mello se afasta da Corte para realizar tratamento de saúde

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello se afastou da Corte para realizar um novo tratamento de saúde. A informação foi confirmada pelo gabinete do magistrado.

No início deste ano, ele passou por uma cirurgia no quadril. Não foram divulgados detalhes sobre o novo tratamento e a duração do afastamento.

O decano do tribunal se aposentará em novembro, quando fará 75 anos de idade. Nesta semana, ele completou 31 anos de atuação no Supremo.

Atualmente, o ministro é relator do inquérito que investiga se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na autonomia da Polícia Federal.

Comentários