O feriadão de Natal inicia com a previsão de chuva e altas temperaturas no Rio Grande do Sul

A Sala de Situação da Secretaria Estadual do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável informa que o feriado de Natal deve registrar temperaturas altas e chuvas fortes. De acordo com o último boletim meteorológico, a passagem de uma frente fria pode provocar instabilidade em todo o Rio Grande do Sul. Há riscos de temporais rápidos, com possibilidade de altos volumes de chuva, granizo e rajadas de vento.

Conforme o meteorologista Fernando Lopes, a sexta-feira começa com forte calor e, no sábado, a chuva se espalha pelo Estado. “A temperatura sobe no começo do feriadão, e o tempo esquenta bastante. Logo em seguida, uma frente fria passa pelo Estado, provocando chuvas fortes e até temporais”, detalha Lopes. “Em grande parte do Estado, o sol ainda aparece e a temperatura dispara, passando dos 38º C”, alerta.

Para domingo, a previsão é de tempo seco e temperaturas amenas. “Ainda chove no setor norte, mas a massa fria e o calorão diminuem rapidamente. Em parte do leste e do Litoral, o tempo ainda fica nublado com chuvas rápidas, mas vai secando. A temperatura deve ficar bem mais baixa no Estado e não passa dos 25º C na maioria das regiões”, explica o meteorologista.

Viagem segura

Inicia nessa sexta-feira a Operação Viagem Segura de Natal. O reforço das ações de fiscalização, que soma a atuação de diversos órgãos para prevenir acidentes de trânsito no estado, segue por quatro dias, até segunda-feira. A fiscalização será reforçada novamente no fim de semana do Ano Novo.

O Natal ocupa a 5ª posição no ranking dos feriados mais violentos, em que o Dia das Mães e o Dia do Trabalho são as datas em que ocorrem mais mortes. A média nos feriados de Natal dos últimos 11 anos foi de 6,9 vítimas fatais/dia, número maior que a média geral dos 15 feriados ou datas festivas em que é há operação (6,4 mortes/dia). No ano passado, foram 23 mortes nos três dias da operação de Natal, considerando as vítimas que morrem até 30 dias pós-acidente.

Esta é a 82ª edição da Operação Viagem Segura, que completou seis anos no último feriado de 15 de Novembro, somando mais de cinco milhões de veículos fiscalizados. No período, foram registradas quase 866 mil infrações, mais de 15 mil por embriaguez. Foram registradas, ainda, mais de 2 mil autuações por recusa ao teste do bafômetro. A fiscalização também recolheu 83,8 mil veículos e 22,4 mil CNHs irregulares.

Megablitz

Na noite dessa sexta-feira ocorre em Porto Alegre a já tradicional megablitz, somando os esforços da Polícia Civil e dos agentes da Balada Segura à Viagem Segura. Na manhã desse mesmo dia, DetranRS, ANTT, EPTC e Lions Club desenvolvem ação educativa na Estação Rodoviária de Porto Alegre, alertando para a importância da utilização do cinto de segurança também nos ônibus.

Sobre a Viagem Segura

A Operação Viagem Segura tem como principais parceiros Polícia Rodoviária Federal, Brigada Militar e Comando Rodoviário da BM (CRBM), Detran/RS e Polícia Civil. Também colaboram órgãos de trânsito municipais (EPTC na capital), ANTT, Dnit, Cetran/RS, Daer, EGR, Famurs, Sest Senat, além de representantes da sociedade civil organizada, como o Lions Club e o Instituto Zero Acidente.

Comentários