Polícia Civil apreende cerca de duas toneladas de pescado impróprio para o consumo humano em Santo Ângelo

A Polícia Civil prendeu nesta terça-feira (12) um empresário em flagrante em Santo Ângelo. A ação de fiscalização conjunta com a Secretaria da Agricultura resultou na apreensão de aproximadamente duas toneladas de pescados impróprios para consumo.

Segundo o delegado Rafael Liedtke, os agentes públicos constaram graves irregularidades na origem, produção e armazenamento dos pescados localizados no estabelecimento. O local alvo das buscas não é registrado para manipulação e produção de pescados no órgão público fiscalizador competente, além de utilizar rótulos cujos registros se encontram suspensos.

Além dessas irregularidades, os policiais também localizaram e apreenderam cerca de 300 quilos de pescados oriundos de pesca totalmente proibida. “O responsável legal pelo estabelecimento foi autuado em flagrante pela prática do crime contra as relações de consumo”, relatou o delegado.

Comentários