Polícia Civil descobre arsenal de facção no Campo da Tuca, em Porto Alegre

Houve a apreensão de 209 cartuchos de calibres variados, duas pistolas de calibres 45 e 11 carregadores diversos, além de touca ninja. (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

O Denarc (Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico) da Polícia Civil intensificou as buscas para capturar o criminoso identificado como responsável pelo arsenal de uma facção que foi apreendido no Campo da Tuca, em Porto Alegre. O suspeito já teve a prisão preventiva decretada.

Em uma operação desencadeada na terça-feira (29), com apoio da Força Tática do 19º BPM, a equipe do delegado Alencar Carraro apreendeu duas pistolas calibre 45 com numeração suprimida e 11 carregadores de diversos calibres inclusive do tipo caracol de fabricação coreana para calibre 9 milímetros que aumenta a capacidade de tiros.

Houve ainda o recolhimento de 209 munições, incluindo 165 cartuchos de fuzil calibre 7.62, 290 de calibre 9 milímetros e 50 cartuchos calibre 40, além de uma touca ninja e documentos de um veículo.

A ação ocorreu em uma residência localizada na rua Pedro Sirângelo. O suspeito que armazenava as armas e munições teria percebido a aproximação dos policiais civis e militares nas viaturas e fugiu rapidamente do local.

Comentários