Polícia Civil realiza operação contra quadrilha que desviava dinheiro da prefeitura de Nova Hartz, no Vale do Sinos

Dois veículos foram apreendidos (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil deflagrou nesta quinta-feira (27) a Operação Misha para desarticular uma quadrilha que desviava recursos da prefeitura de Nova Hartz, no Vale do Sinos. A ação ocorreu nos municípios de Sapiranga, Campo Bom, São Leopoldo e Imbé.

Três pessoas foram presas e duas foram conduzidas coercitivamente para depor. Foram apreendidos dois veículos, arma, dinheiro de procedência duvidosa e documentos. Também houve bloqueio de ativos e indisponibilidade de bens para futuro ressarcimento ao erário de Nova Hartz.

Segundo o delegado Max Otto Ritter, a investigação durou cerca de cinco meses. O Tribunal de Contas do Estado encaminhou à Polícia Civil cópia do relatório de inspeção extraordinária, no qual se constatou que houve desvios de recursos a partir do ano de 2010. Devido à gravidade dos fatos e o extraordinário tempo de análise que demandaria, a equipe de auditoria optou por emitir a informação com ênfase nos exercícios dos anos de 2015 e de 2016, o qual foi o foco da referida operação policial.

Apurou-se, então, que funcionários da Tesouraria do Executivo se utilizaram de seus cargos públicos para enriquecer. De acordo com as investigações, o modo de agir dos investigados era por meio de informação nos sistema informatizado de arrecadações inferiores às efetivamente registradas no Cadastro Tributário. Em apenas dois anos, os criminosos teriam se apropriado de R$ 242 mil.

The post Polícia Civil realiza operação contra quadrilha que desviava dinheiro da prefeitura de Nova Hartz, no Vale do Sinos appeared first on O Sul.

Comentários

Comentários

93 Comentários

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.