Prefeitura de Porto Alegre notificará mais de 53 mil contribuintes inscritos em dívida ativa

O pagamento da primeira parcela renegociada garante a adesão ao parcelamento. (Foto: Jackson Ciceri/O Sul)

A Secretaria Municipal da Fazenda de Porto Alegre inicia nesta quarta-feira (15) o envio de notificações aos contribuintes que possuem dívidas desde 2012 com o município, relativas ao IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana) e ao ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza). Na primeira fase, mais de 53 mil contribuintes serão notificados. A ação visa a aumentar a arrecadação da dívida ativa, além de regularizar a situação dos devedores.

De acordo com o secretário Municipal da Fazenda, Leonardo Busatto, o percentual da cobrança da dívida ativa de Porto Alegre atinge 8% e é o maior entre as capitais, que têm média de 4%. A meta para este ano é atingir 9%, ou seja, R$ 180 milhões.

A dívida ativa de Porto Alegre (valores que empresas e pessoas físicas devem à prefeitura), até 31 de janeiro, somava R$ 1,98 bilhão. Desse total, aproximadamente R$ 721 milhões são referentes ao IPTU e à Taxa de Coleta de Lixo, e R$ 1,01 bilhão é referente ao ISSQN.

O pagamento da primeira parcela renegociada garante a adesão ao parcelamento, e as demais cobranças serão encaminhadas mensalmente para o contribuinte, sem a necessidade de comparecer à Secretaria Municipal da Fazenda. Os que desejarem, poderão aderir à sistemática de débito em conta, facilitando o pagamento das demais parcelas.

Havendo interesse em optar pelo débito em conta ou para solicitar que o parcelamento recebido seja readequado para um número maior de parcelas, o cidadão pode procurar a Loja de Atendimento da Secretaria Municipal da Fazenda, localizada na Travessa Mário Cinco Paus, s/nº, Centro Histórico, das 9h às 16h.

Comentários

Comentários

809 Comentários

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.