Presos criminosos envolvidos no roubo de armas de fogo de colecionador em Porto Alegre

Agentes da 1ª Delegacia de Polícia de Repressão a Roubos do Departamento Estadual de Investigações Criminais deflagraram, na manhã desta terça-feira (22), a Operação Panamericana para prender os criminosos envolvidos no roubo de armas de um colecionador em Porto Alegre.

O crime ocorreu no dia 9 de abril, no bairro Jardim Lindoia, na Zona Norte, quando bandidos invadiram a residência do colecionador. Na ocasião, foram roubadas 39 armas de fogo de diversos tipos e calibres, além de outros objetos e dinheiro. Os policiais civis cumpriram oito mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisões temporárias em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, Canoas e Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Quatro bandidos foram presos e quatro armas apreendidas, entre elas um fuzil.

Também foram recolhidos celulares, munições e dinheiro. Segundo o delegado João Paulo de Abreu, a polícia identificou a compra de um veículo no valor de R$ 36,9 mil com o dinheiro oriundo do roubo. O veículo foi sequestrado. Aproximadamente 25 policiais civis participaram da operação.

Outra ação

Na tarde de segunda-feira (21), na Capital, a Polícia Civil prendeu  três indivíduos com um veículo roubado e clonado e apreendeu uma pistola calibre .40 e um revólver calibre 38, ambos com a numeração raspada.

O veículo havia sido roubado no dia 11 de maio, no bairro Alto Petrópolis. Os presos em flagrante estavam portando também um rádio comunicador na frequência da Brigada Militar.

Comentários