Professores estaduais entram em greve a partir do dia 13

Além dos docentes, diversas categorias estaduais agendaram mobilização no dia 13  contra a votação do pacote do Executivo gaúcho. (Foto: Gilmar da Rosa/Divulgação)

Professores da rede pública do RS entrarão em greve a partir do dia 13. A decisão foi tomada durante assembleia, nesta quinta-feira (8), em frente ao Palácio Piratini, em Porto Alegre. Representantes dos 42 núcleos regionais do Cpers-Sindicato, entidade que representa os educadores, participaram da votação.

No dia 13, além dos docentes, diversas categorias estaduais agendaram mobilização contra a votação do pacote de medidas para tentar conter a crise financeira do Estado, encaminhado pelo governador José Ivo Sartori à Assembleia Legislativa.

Segundo o Cpers-Sindicato, o pacote do Sartori ataca direitos de professores, funcionários de escola e demais servidores estaduais.

A categoria protesta ainda contra a extinção da licença prêmio, novas regras para tempo de serviço, a retirada da remuneração de servidores cedidos para entidades sindicais e o parcelamento de salários e do 13º.

Os professores também são contrários à extinção de nove fundações públicas gaúchas, que resultarão no corte de 3 mil postos de trabalho.

 

Comentários

3.907 Comentários