Professores protestam em Porto Alegre contra o parcelamento dos salários dos servidores gaúchos

O trânsito foi bloqueado na Borges de Medeiros, próximo ao Tribunal de Justiça, segundo a EPTC (Foto: EPTC/Divulgação)

Professores ligados ao Cpers-Sindicato protestam, na manhã desta sexta-feira (02), em Porto Alegre, contra o novo parcelamento dos salários dos servidores gaúchos. Os docentes se concentraram na frente do Ministério Público, no bairro Praia de Belas, e depois seguiram em caminhada até o Palácio Piratini.

Os manifestantes, que exibem faixas e cartazes, afirmam que o governador José Ivo Sartori descumpre a legislação ao não seguir uma ordem judicial existente para garantir o pagamento integral dos salários dos servidores.

Nesta semana, o governo do Estado anunciou o parcelamento dos salários dos servidores gaúchos pela sétima vez consecutiva. “Reiteramos que todas as medidas judiciais cabíveis serão adotadas de forma que se restabeleça a legalidade no pagamento dos salários da categoria”, afirmou o Cpers.

 

Comentários

232 Comentários

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.