Retomada das aulas na educação básica será concluída nesta terça em Porto Alegre

Até 102.880 alunos podem voltar às salas de aula depois de mais de sete meses de suspensão por causa da pandemia do novo coronavírus. (Foto: Alex Rocha/PMPA)

A retomada das aulas presenciais na educação básica de todas as redes de ensino municipal de Porto Alegre será concluída nesta terça-feira (3), segundo a prefeitura. Estão autorizados para o retorno os ensinos fundamental 2 e médio (1º e 2º anos), além da especial. Até 102.880 alunos podem voltar às salas de aula depois de mais de sete meses de suspensão por causa da pandemia do novo coronavírus.

Em 28 de setembro, recomeçou a oferta de alimentação para educação infantil, seguida por aulas a partir do dia 5 de outubro no mesmo nível, no 3º ano do ensino médio, profissionalizante e EJA (exceto nas unidades municipais). Na sequência, dia 13, foi retomada a alimentação em todas as outras escolas e atividades de apoio. O fundamental 1, especial e EJA (municipal) foram autorizados para o retorno no último dia 19.

Chromebooks

A rede municipal de ensino informou na última semana o recebimento de 2.448 chromebooks, que estão sendo distribuídos pela prefeitura para uso principalmente pelos estudantes. Cerca de 46 mil alunos serão beneficiados com os novos equipamentos. Os chromebooks chegam após a instalação de wi-fi de alta velocidade na rede – concluída pela Procempa (Companhia de Processamento de Dados de Porto Alegre) durante o período de suspensão das aulas presenciais em função da Covid-19.

“Esses recursos qualificam as escolas e dão aos estudantes os meios para que possam, em sistema combinado entre atividades remotas e presenciais, complementar seus estudos neste ano”, explica o secretário municipal de Educação, Adriano Naves de Brito. “O desafio da recuperação deste ano letivo e da garantia de aprendizagem para os alunos é inédito”, complementa.

As instituições de ensino fundamental receberão 2.190 chromebooks, enquanto as de educação infantil (Emeis) ficarão com 258. Os diferentes setores da sede da Secretaria Municipal de Educação (Smed) terão 61 unidades.

Um total de 94 equipamentos foi distribuído na semana passada. Os recursos para a aquisição dos chromebooks são da própria prefeitura. Cada equipamento, da Samsung, custou R$ 1.572,00, com investimento total de mais de R$ 3,9 milhões.

Especificações técnicas – O modelo XE501C13-AD3BR é parecido com um notebook, mas utiliza o Chrome OS, que é o sistema operacional do Google. Também é mais fino e leve do que um notebook, e sua bateria dura até 11 horas. Tem 4 GB de memória RAM e 32 GB de espaço de armazenamento.

Cursos de idiomas e esportes

Desde a última quarta-feira (28) foram autorizadas a retornar atividades de ensino em geral, como cursos de idiomas, esportes, artes, culinária e similares estão autorizadas a serem realizadas presencialmente.

O recomeço das atividades prevê regras como distanciamento mínimo de 1,5 metro entre os alunos, evitar contato entre as turmas, uso de máscaras por professores e alunos, entre outras. As determinações constam no Decreto 20.747, de 1º de outubro, que trata dos protocolos específicos da retomada do ensino, dispensando as instituições do informe semanal com status epidemiológico e ações na escola.

Também ficou alterado o período de testagem com RT-PCR ou teste de antígeno de todos os alunos e todos os professores que tiveram contato com sintomáticos durante ou até nos dois dias anteriores à data de início dos sintomas do caso.

Comentários