Rio Grande do Sul assina acordos de cooperação com províncias argentinas

Liderada pelo governador José Ivo Sartori, a missão vai tratar de áreas de interesse comum entre o Rio Grande do Sul as províncias argentinas  (Foto: Arte/Leandro Osório/Especial Palácio Piratini)

O Rio Grande do Sul e as províncias argentinas de Mendoza e Misiones vão assinar acordos de cooperação bilateral. As parcerias serão firmadas durante a segunda missão oficial gaúcha à Argentina, neste governo, que ocorre entre os dias 13 e 14 de março. As parcerias vão se dar nas áreas de interesse comum entre o Rio Grande do Sul e as províncias argentinas, como agricultura, meio ambiente, desenvolvimento econômico e social, e serão discutidas em seminários temáticos.

Liderada pelo governador José Ivo Sartori, a comitiva será composta por secretários de Estado, parlamentares, empresários e imprensa. Cada órgão, entidade e veículo de comunicação será responsável por suas despesas.

“A diferença desta nova missão para a primeira é que agora ela será setorizada, nas áreas da cultura, turismo, meio ambiente, agronegócio e especialmente da vitivinicultura, na província de Mendoza”, argumenta o governador. Sartori reforça a importância da parceria comercial entre o Estado e a Argentina pela semelhança na produção e exportação. “Trabalhamos para buscar o mercado internacional em conjunto, sem disputas, defendendo os interesses mútuos”, afirma.

Os acordos são resultados das negociações que iniciaram na primeira missão do governo Sartori à Argentina, em agosto de 2016. O objetivo das missões é intensificar as relações com o país vizinho que é também o maior parceiro comercial do Rio Grande do Sul no Mercosul.

Desde a primeira missão, as negociações e encontros setoriais estão sendo coordenados pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sdect). “A integração de governos, empresas e federações vai estimular o crescimento econômico regional e abrir novas oportunidades de negócio nos mercados internacionais”, afirma o secretário da Sdect, Fábio Branco. A missão tem o apoio do Ministério das Relações Exteriores.

Roteiro

A delegação gaúcha sai de Porto Alegre no domingo (12) em direção à Mendoza capital, onde na segunda-feira (13) ocorre o seminário setorial bilateral. No final da manhã, Sartori se reúne com o governador da província de Mendoza, Alfredo Cornejo.

No encontro, eles devem tratar de temas de interesse comum a serem sustentados na Reunião de Governadores Brasil Sul e Argentina, no dia 31 de março, no Palácio Piratini. Após o encontro os dois governadores assinam o acordo de cooperação bilateral e concedem uma coletiva de imprensa.

À tarde, a comitiva segue para Posadas, capital da província de Misiones, onde, na terça-feira (14), Sartori e o governador Hugo Passalacqua assinam dois acordos de cooperação: um geral, englobando todos os setores; e outro específico na área de desenvolvimento ambiental sustentável. Em seguida, os governadores concedem coletiva de imprensa.

Na oportunidade, Sartori e Passalacqua se reunem também com o governador de Itapua (Paraguai), Luis Gneiting. Os chefes dos três estados vão discutir assuntos de interesse comum para integrar a pauta da reunião de cúpula Brasil Sul – Argentina no final do mês, em Porto Alegre. Simultaneamente, ocorre o seminário setorial bilateral. À tarde, a missão retorna para Porto Alegre.

Comentários

Comentários

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.