Rodrigo Lorenzoni: “Modelo gaúcho de distanciamento social resguarda a saúde e a economia”.

Presidente do Democratas gaúcho, Rodrigo Lorenzoni comentou ontem em Porto Alegre, que “é importante que hoje no estado, já dispomos de uma lei de liberdade econômica,que será extremamente útil para a superação deste momento de dificuldades”. O projeto de Lorenzoni,transformado em lei pelo governador Eduardo Leite, foca na redução da interferência do estado com base no empreendedorismo. simplificando os processos para quem deseja abrir uma empresa,e ampliando a capacidade de geração de emprego e renda. Esta ferramenta, segundo ele, “será importante para o governo, e para os atuais e futuros prefeitos e vereadores, nesta tarefa de recuperar a economia”.
Rodrigo Lorenzoni avalia que “estamos preocupados com esta crise, e neste momento, o decreto do governador criando o inédito modelo de Distanciamento Social, me parece ter atingido o adequado equilíbrio para darmos um passo a frente.” Ele destaca que o modelo criado pelo governo gaúcho, “reconhece as dificuldades de saúde, cria critérios objetivos de avaliação, e a partir disso libera mais, ou menos a economia com base nesses critérios. Então imaginamos que esse é um equilíbrio saudável no sentido de resguardar a saúde, porque economia também tem a ver com a saúde.”
Em relação ao processo eleitoral,o Democratas, explica Lorenzoni, “vem ampliando seu discurso solidário com a sociedade, mostrando seu projeto alinhado com os conceitos do partido, de propor uma máquina pública mais enxuta voltada a atender e prestar serviços.” Ele tem alertado que “a recuperação da economia vai se dar por longos meses e certamente isso vai nos fazer adentrar em 2021 nesse processo”.

Comentários