Rússia prolonga suspensão de voos do Reino Unido por causa de nova cepa do coronavírus

A nova variante do coronavírus recentemente descoberta no Reino Unido pode ser entre 50% e 74% mais contagiosa do que as outras cepas existentes. (Foto: Reprodução)

A Rússia anunciou, nesta terça-feira (12), que prorrogou a suspensão de seus voos com o Reino Unido, dois dias após a descoberta da nova variante da Covid-19 em um paciente russo que voltava daquele país.

A suspensão dos voos, que está em vigor desde o final de dezembro, foi prorrogada para até o final de fevereiro, segundo decreto do governo. O texto afirma que a medida visa a “evitar a importação e a disseminação da nova infecção de coronavírus”.

A nova variante do coronavírus recentemente descoberta no Reino Unido pode ser entre 50% e 74% mais contagiosa do que as outras cepas existentes, de acordo com especialistas.

Após seu aparecimento, cerca de 50 países suspenderam a chegada de viajantes procedentes do Reino Unido. A Rússia havia restabelecido suas ligações aéreas com o Reino Unido quatro meses depois de sua suspensão no início da pandemia.

Comentários