Sabatina do gaúcho indicado para embaixador do Brasil nos Estados Unidos deve ocorrer em fevereiro


Nestor Forster durante encontro na ONU em agosto
(Foto: Reprodução/Facebook )

O presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado, Nelson Trad Filho (PSD-MS), informou que a sabatina do gaúcho Nestor Forster para o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos deve ocorrer em fevereiro de 2020.

Na terça-feira (19), o governo norte-americano aprovou a indicação do diplomata. O presidente Jair Bolsonaro decidiu indicar Forster para o cargo após a desistência do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do chefe do Executivo.

Nascido em Porto Alegre, Forster está à frente da embaixada em Washington interinamente desde maio, quando o então embaixador, Sérgio Amaral, deixou o posto. Para assumir o cargo efetivamente, contudo, Forster precisa passar por uma sabatina e ter o seu nome aprovado pelo plenário do Senado.

A mensagem presidencial com a indicação oficial de Forster para o cargo ainda não foi enviada ao Congresso. Segundo Trad Filho, o Ministério das Relações Exteriores tem cobrado pressa para o agendamento da sabatina, mas ele argumenta que, como o governo ainda não oficializou a indicação, os trabalhos estão atrasados.

“Ainda precisa esperar o governo enviar a mensagem, e o presidente Davi Alcolumbre ler no plenário. Daí, designa-se um relator quando [a indicação] chegar à Comissão de Relações Exteriores. Ou seja, ainda leva uns 30 dias. Sabatina, só no ano que vem mesmo”, disse Trad.

Comentários