Segundo suspeito de estuprar mulher em carro na capital é liberado

Casal estava desacordado em carro atravessado na Avenida Baltazar de Oliveira Garcia. (Foto: Reprodução)

O segundo suspeito de envolvimento no caso do estupro de uma mulher, enquanto ela estava inconsciente, dento de um carro na capital, foi liberado pela Polícia Civil e responderá em liberdade. O homem, cuja identidade será preservada, prestou depoimento no último domingo, 02), e alegou ter consumido apenas uma cerveja, que estava no banco de trás do carro, mas negou ter participado do crime sexual ou das filmagens. No vídeo, ele aparece mexendo nos pertences do casal, enquanto o outro homem abusa da mulher.

De acordo com a delegada Tatiana Bastos, da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), foi realizada a coleta de material genético, para comparar com o sêmen encontrado no carro, e, caso der positivo, ele será preso. O responsável pelas gravações e pelo estupro está preso desde domingo (2), quando se entregou à Polícia. José Carlos da Silva, de 47 anos, estaria sofrendo ameaças de linchamento e afirmou, durante o depoimento, não estar arrependido do que fez, já que, segundo ele, a mulher, por estar naquelas condições, mereceu.

Comentários