“Simples, humilde e reconhece quando está errado”, diz Mourão sobre Bolsonaro

O vice-presidente, general Hamilton Mourão (Foto: Reprodução de TV)

Em entrevista ao programa “Mariana Godoy Entrevista”, transmitida pela TV Pampa na noite desta sexta-feira, 08, o vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, questionado se Jair Bolsonaro teria refletido sobre as críticas recebidas, Mourão afirma que o presidente é “simples, humilde e reconhece quando está errado”. “Não há soberba nele”, completa. Sobre as críticas que recebeu durante a corrida eleitoral, Mourão disse que, na sua idade, tem que ter a humildade para saber onde se está certo e errado.

Sobre quais seriam as prioridades do Brasil no começo do novo governo, o vice-presidente respondeu que a meta “número um” é reduzir o déficit fiscal a zero. “Temos que obter o equilíbrio entre a receita e a despesa. Ao fazer isso, nós estamos corrigindo os problemas estruturais de emprego, renda, a questão da nossa excessiva burocratização, da nossa regulamentação (…) Resolver para que, a partir daí, o Brasil entenda seu lugar entre as nações. Eu tenho a visão de que o Brasil pode ser o grande celeiro do mundo”, explica o General Hamilton Mourão.

Quando perguntado sobre qual a maior proposta pela educação neste governo, o general Mourão comentou que é incentivar e investir mais no ensino-base brasileiro pois, de acordo com ele, o foco maior no ensino superior causa uma disparidade entre os níveis escolares.

Comentários