Sábado, 02 de Março de 2024

Home Política Assunto sobre urnas “acabou faz tempo”, diz o ministro Alexandre de Moraes sobre o novo posicionamento da Defesa

Compartilhe esta notícia:

Após novo posicionamento do Ministério da Defesa de que o relatório das Forças Armadas sobre as eleições não exclui a possibilidade de fraude nas urnas, o presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Alexandre de Moraes, afirmou nesta quinta-feira (10) que o assunto “acabou faz tempo”.

A declaração foi dada após a sessão ao ser questionado por jornalistas. Moraes foi perguntado sobre qual era a avaliação dele e a resposta sobre que ele tinha achado da nota, se ia fazer algo e se essa história não ia acabar.

Mais cedo, o Ministério da Defesa divulgou uma nova nota afirmando que o relatório enviado ao TSE, “embora não tenha apontado, também não excluiu a possibilidade da existência de fraude ou inconsistência nas urnas eletrônicas e no processo eleitoral de 2022”.

A nota tem como objetivo, segundo Ministério, “evitar distorções do conteúdo do relatório”. O conteúdo destaca que o relatório indicou “importantes aspectos que demandam esclarecimentos”.

Na noite de quarta-feira (09), a pasta enviou ao TSE o relatório sobre as eleições e o sistema eletrônico de votação. O documento afirma que não foram constatadas irregularidades no processo eleitoral e que os boletins de urna impressos estão em conformidade com os dados disponibilizados pelo TSE.

Em nota, o presidente do TSE afirmou que o relatório foi recebido com “satisfação” e agradeceu pelas sugestões. O ministro disse que a análise das Forças Armadas é mais um indício da inexistência de fraude no processo eleitoral.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Operação conjunta vistoria ferros-velhos no bairro Mário Quintana, em Porto Alegre
Saiba onde se vacinar contra a Covid-19 e a gripe nesta sexta em Porto Alegre
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde