Domingo, 03 de Julho de 2022

Home coronavírus Chega a 36.390 o número de gaúchos mortos pelo coronavírus. Vítimas mais recentes incluem idoso de 102 anos

Compartilhe esta notícia:

Divulgado nesta quarta-feira (22), o mais recente balanço da Secretaria Estadual da Saúde (SES) ampliou para 1.500.065 o número de testes positivos de coronavírus em mais de 21 meses de pandemia no Rio Grande do Sul, com 36.390 mortes. A estatística inclui 30 novos contágios e 13 casos fatais, incluindo o de um idoso de 102 anos, residente em Caraá (Litoral Norte).

As perdas humanas mais recentes abrangem vítimas com idades entre 25 e 102 anos. Elas são mencionadas, a seguir, em ordem alfabética pelo município de residência (que nem sempre é o do hospital onde ocorreu o óbito), em uma lista que também detalha o gênero (feminino ou masculino) e a idade.

– Guaíba (mulher, 25 anos);
– São Pedro do Sul (mulher, 35 anos);
– Arroio Grande (homem, 65 anos);
– Canguçu (mulher, 65 anos);
– Bento Gonçalves (mulher, 69 anos);
– Imbé (homem, 77 anos);
– Passo Fundo (mulher, 77 anos);
– Passo Fundo (homem, 80 anos);
– São Leopoldo (mulher, 81 anos);
– Arvorezinha (mulher, 81 anos);
– Uruguaiana (homem, 84 anos);
– São Borja (homem, 85 anos);
– Caraá (homem, 102 anos).

De todas as 497 cidades gaúchas, apenas uma não registra até agora qualquer óbito por covid. É Novo Tiradentes, localizada na Região Norte do Estado e que acumula 130 testes positivos desde o começo da pandemia.

Outros dados estatísticos sobre a pandemia

Dentre os infectados até agora, ao menos 1.463.303 (98%) já se recuperaram, em todos os 497 municípios gaúchos. Outros 268 (menos de 0,5%) são considerados casos ativos (em andamento) – contingente que abrange desde os assintomáticos em quarentena domiciliar até casos mais graves atendidos em hospitais. 

A taxa média de ocupação das unidades de terapia intensiva (UTIs) por adultos estava em 54,9% no início da noite, conforme o painel de monitoramento covid.saude.rs.gov.br. Esse índice resulta da proporção de 1.758 pacientes para um total de 3.200 leitos da modalidade em 301 hospitais. Já o total de internações pela doença chega a 114.284 (8%).

Andamento da vacinação entre os gaúchos

Já no que se refere ao andamento da imunização contra o coronavírus no Rio Grande do Sul, a plataforma on-line do governo gaúcho continua defasada, devido ao ataque cibernético aos sistemas do Ministério da Saúde. Quem acessa o site vacina.saude.rs.gov.br encontra apenas dados relativos ao status do processo no dia 9 de dezembro.

Estado novamente sem avisos ou alertas

Pela quarta semana consecutiva, o governo gaúcho não emitiu Alertas, Avisos ou Ações para as 21 Regiões-Covid do Rio Grande do Sul, no âmbito do sistema “3As” de monitoramento da pandemia – substituto, desde maio, do modelo de distanciamento controlado.

De acordo com o Palácio Piratini, esse status resulta do avanço da imunização e de fatores como a estabilização do quadro da pandemia no Estado. Equipes técnicas avaliam que há tendência de queda nas internações:

“Se compararmos os dados de hoje com os da semana passada, houve redução de 18 casos confirmados em leitos clínicos e 47 em unidades de terapia intensiva (UTI), o que representa uma variação de -9,4% e -20,2%, respectivamente”.

O texto no site oficial estado.rs.gov.br acrescenta: “Em dezembro, entre confirmados e suspeitos, há redução de 211 pacientes internados, em leitos clínicos e UTI, queda de 25%. Com essa melhora, o número de internados é o menor desde maio de 2020”.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de coronavírus

Carnaval no Rio é liberado pelo comitê científico da prefeitura da cidade e blocos comemoram
Chance de hospitalização por covid é 70% menor com a variante ômicron, aponta estudo
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News