Terça-feira, 24 de Maio de 2022

Home futebol Combinação de resultados do fim de semana mantém o Grêmio no topo da tabela do Gauchão

Compartilhe esta notícia:

A oitava rodada do Campeonato Gaúcho foi proveitosa para o Grêmio. Além da vitória de 4 a 0 sobre o São Luiz de Ijuí no sábado (19), o time porto-alegrense se manteve no topo da tabela, com 17 pontos, dois a mais que o vice-líder Ypiranga de Erechim, cujo empate em 1 a 1 com o Brasil de Pelotas neste domingo o impediu de assumir o topo da tabela.

O fim de semana também marcou o retorno do recém-contratado Roger Machado ao Tricolor, em substituição ao demitido Vagner Mancini. A identificação vem de longe: trata-se do clube que o revelou como atleta em 1994 e no qual atuou como treinador em 2015-2016.

Agora, o Grêmio tem pela frente uma semana de preparativos para o Grenal do próximo sábado (26), que será disputado no estádio Beira-Rio. Se vencer o duelo contro o arqui-rival, a equipe do bairro Humaitá garantirá vaga nas semifinais do Gauchão.

Goleada de sábado

O Grêmio iniciou a partida de sábado pressionando o São Luiz. Com bastante posse, jogo apoiado e marcação na saída de bola, o tricolor conseguiu abrir o placar logo aos 10 minutos: Janderson recuperou a bola no campo de ataque, tocou para Diego Souza e o centroavante fez um belo toque por cobertura para abrir o marcador.

Após o gol, o Grêmio deu uma diminuída no ritmo, apenas fazendo a manutenção da posse de bola. O Alvirrubro começou a sair um pouco mais para o jogo, o que também fez ceder espaço para contra-ataque. E foi em um desses lances que os donos da casa ampliaram o placar:

Rildo recebeu na ponta esquerda, passou por dois jogadores e chutou cruzado no canto esquerdo de Renan Rocha. O São Luiz tentou arriscar chutes de fora da área, mas nenhum que tenha levado maior perigo para Brenno.

No segundo tempo, o Tricolor voltou com uma proposta de explorar um jogo mais de transição. O São Luiz até tentou algum abafa, mas o time da capital gaúcha neutralizava bem as ações. Aos 17, Gabriel Silva arrancou do campo de defesa, fez belo passe para o lateral-esquerdo Nicolas na ponta direita, que ajeitou para a canhota e bateu no canto de Renan Rocha.

O Grêmio continuou neutralizando as ações do São Luiz e fazendo a manutenção da posse de bola. Em novo contra-ataque, Elias aciona Janderson aos 28 que é derrubado na área e o juiz marca pênalti, batido por Janderson no canto direito para fechar o placar na Arena.

Antes da cobrança, um lance inusitado: o juiz expulsou o zagueiro visitante William Goiano por causa da falta que geou a penalidade, mas após conversa com o quarto árbitro, minutos depois cancelou o cartão vermelho, substituindo-o pelo amarelo.

Ficha Técnica

– Grêmio: Brenno; Orejuela, Pedro Geromel, Bruno Alves e Nicolas; Bitello (Lucas Silva), Villasanti (Victor Bobsin), Gabriel Silva, Janderson (Vini Paulista) e Rildo (Elias); Diego Souza (Churín). Técnico: Roger Machado.

– São Luiz: Renan Rocha; Lucas Carvalho, Rodrigo Milanez, Willian Goiano e Márcio Goiano (Mizael); Régis (Capa), Paulinho Santos e Jeferson Prill; Jean Dias (Paulinho Simionato), Juba (Taiberson) e Ariel Marques (Jhonatan Araújo). Técnico: Paulo Henrique Marques.

– Arbitragem: Anderson da Silveira Farias, assistido por Jorge Eduardo Bernardi e Cássio Pires Dornelles.

– Gols: Diego Souza, aos 9 minutos do primeiro tempo e Rildo, aos 35, seguido por Nicolas aos 17 da etapa complementar e Janderson, aos 32.

– Cartões amarelos: Janderson e Rildo no lado gremista, Juba e Willian Goiano por parte dos visitantes.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de futebol

Atlético-MG supera o Flamengo nos pênaltis e conquista título inédito da Supercopa
Saiba quais serão as atividades da Assembleia Legislativa gaúcha nesta semana
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Bom Dia