Sexta-feira, 20 de Maio de 2022

Home Acontece Cursos que serão tendência em 2022: estudos apontam áreas profissionais em crescimento no Brasil

Compartilhe esta notícia:

O mercado de trabalho tem passado por diversas mudanças nos últimos anos e a pandemia da Covid evidenciou ainda mais essas transformações, exigindo que muitas empresas adotassem um novo formato de trabalho e acelerando a necessidade de novas tecnologias. Com essas renovações no mercado, algumas profissões se tornaram mais emergentes no futuro das empresas. Uma das áreas que prevê grande crescimento, é o da tecnologia, como serviços de soluções de big data, e-commerce, inteligência artificial, tecnologia da informação e softwares e aplicativos.

O estudo The Future Of Jobs, realizado pelo Fórum Econômico Mundial alerta que, no futuro, a adoção das novas tecnologias pode variar entre as empresas, mas deve impactar as atividades realizadas por humanos que podem ser executadas por máquinas. Apesar do aumento no desemprego que essa mudança pode causar, novos empregos também serão gerados. A pesquisa aponta que até 2025, cerca de 97 milhões de empregos podem surgir, através de funções que se adequem a essa nova realidade.

Segundo o levantamento, a tendência dos avanços tecnológicos está entre os profissionais de análise de dados, IA, Big Data, desenvolvedores de software e aplicativos, especialistas em transformação digital e marketing digital e profissionais de desenvolvimento de negócios. Diante disso, trabalhos administrativos, de contabilidade e atendimento a clientes, devem apresentar queda.

Além da área tecnológica, recursos humanos, marketing, comunicação e saúde são outras áreas que devem ter destaque em 2022. O diferencial para estes profissionais é o uso de ferramentas digitais, além de inovação e criatividade para criação de estratégias. Ainda, segundo pesquisa realizada pela rede social profissional Linkedin, desde 2020 a área da saúde tem visto crescimento de empregabilidade.

Em decorrência da pandemia do coronavírus, o Sistema Único de Saúde (SUS) enfrentou grande pressão na realização do trabalho enquanto atuavam na linha de frente do combate à pandemia que via aumento no número de casos. “Com relação aos cursos da saúde tivemos grande procura, exponencial mesmo. Principalmente se tratando de enfermagem, psicologia e biomedicina, devido ao cenário da pandemia. Esses cursos foram muito procurados, como uma missão do bem-estar da sociedade e da comunidade em que vivem”, sinaliza Jefferson Tavares, gerente comercial da Estácio Porto Alegre.

Só no primeiro ano de pandemia, a contratação de enfermeiros de terapia intensiva registrou aumento de 820%, em relação ao ano anterior. Nas funções médicas, 72% dos profissionais contratados foram mulheres e grande parte das funções da área foram preenchidas por ex-enfermeiros.

As principais competências dos contratados foram: enfermagem em terapia intensiva, farmácia clínica, medicina, fisioterapia, terapia ocupacional e biologia. São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte foram as cidades que mais buscaram profissionais para cargos de enfermeiro de terapia intensiva, enfermeiro de saúde pública, enfermeiro de pronto-socorro, clínico geral, fisioterapeuta, médico e especialista clínico.

Como um dos países mais impactados pela pandemia, o Brasil investiu em projetos de pesquisa, buscando profissionais para cargos como técnico em medicina, cientista de laboratório médico e assistente de laboratório. Cargos de apoio a saúde também tiveram destaque, tendo um crescimento de 64% das contratações. Especialistas em saúde mental tiveram aumento de 34% de oportunidades, registrando o maior número de mulheres contratadas em qualquer profissão, sendo elas 84% das profissionais.

“Levando em consideração a procura dos cursos da saúde, essa crescente procura tem a tendência de se manter”, complementa Tavares.
As oportunidades para enfermeiros devem seguir crescendo. A pesquisa “Perfil da Enfermagem no Brasil”, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) aponta que 90% dos enfermeiros brasileiros estão em atividade atualmente.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Panvel tem 29 vagas abertas na Região Sul
Fecomércio-RS inaugura nova sede, a Casa do Comércio Gaúcho
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde