Sexta-feira, 20 de Maio de 2022

Home Variedades Diretor do filme “Pantera Negra” é acusado de tentar assaltar banco ao solicitar saque da própria conta bancária

Compartilhe esta notícia:

Ryan Coogler, diretor do filme “Pantera Negra”, foi acusado de tentar assaltar um banco ao solicitar um saque da própria conta bancária. O caso ocorreu em janeiro, em Atlanta, nos Estados Unidos, e foi revelado pelo site TMZ nesta quarta-feira (9).

Conforme a imprensa americana, Coogler foi a uma agência do Bank of America com um recibo no qual escreveu que gostaria de fazer um saque de US$ 12 mil de sua conta corrente. A mensagem solicitava que a funcionária do caixa fizesse a contagem das notas em outro local. “Eu gostaria de ser discreto”, pediu o diretor.

A atendente, porém, decidiu chamar a polícia. Conforme o relatório das autoridades, quando a mulher – descrita como negra e grávida no documento – tentou registrar a transação no computador, o dispositivo acionou um alerta. Ela então comunicou ao chefe que Coogler estaria tentando roubar o banco.

Ao chegarem ao local, os policiais prenderam duas pessoas que aguardavam o cineasta no estacionamento e em seguida algemaram Coogler dentro da agência. Os agentes perceberam o erro ainda no local, pouco depois de prenderem Coogler.

No registro da ocorrência, o caso foi descrito como “um grande erro” cometido pela funcionária. O diretor do filme “Pantera Negra” chegou a solicitar a identificação de todos os policiais depois de ter sido liberado. O ator não comentou a reportagem da TMZ.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Variedades

Estados Unidos aprovam primeira lente de contato que aplica medicamento nos olhos
Gravadora não terá que devolver registros musicais originais de João Gilberto
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde