Segunda-feira, 23 de Maio de 2022

Home Mundo Disney e Warner adiam lançamentos de novos filmes na Rússia, entre eles o do Batman

Compartilhe esta notícia:

As principais empresas de entretenimento de Hollywood, incluindo Walt Disney e WarnerMedia, estão interrompendo os lançamentos de novos filmes na Rússia em resposta à invasão da Ucrânia pelo país.

A Disney adiou a estreia do novo filme da Pixar “Turning Red” (Red: Crescer é uma Fera, em português), sobre uma garota que se transforma em um panda gigante vermelho sempre que fica animada, citando a “invasão não provocada da Ucrânia e a trágica crise humanitária”. O filme fará sua estreia nos Estados Unidos no serviço de streaming Disney+ em 11 de março.

“Tomaremos futuras decisões de negócios com base na situação em evolução”, disse a empresa em comunicado.

A Disney também disse que trabalharia com organizações internacionais de ajuda humanitária para fornecer ajuda aos refugiados.

A WarnerMedia, uma divisão da AT&T Inc, anunciou que adiaria o lançamento do novo filme do Batman (The Batman, no original), uma parte da franquia da DC Comics estrelada por Robert Pattinson como o super-herói. No Brasil, o filme estreia na próxima quinta-feira (3), e deve ser um dos filmes de maior bilheteria do ano.

A Sony Pictures Entertainment disse que interrompeu os lançamentos planejados na Rússia, incluindo o de “Morbius”, um spin-off do Homem-Aranha estrelado por Jared Leto. Nesta terça-feria, a Paramount Pictures informou que atrasaria as estreias de seus filmes “A Cidade Perdida” e “Sonic the Hedgehog 2” na Rússia.

Hollywood, como muitas outras indústrias, está lutando para saber como reagir à invasão da Ucrânia. A Rússia foi o nono maior mercado estrangeiro para filmes dos EUA em 2019 e muitos novos lançamentos estão programados para estrear lá.

Um gerente sênior do grupo musical da Disney disse em uma mensagem para as editoras de música que as sanções bancárias contra a Rússia estavam impedindo a empresa de receber pagamentos associados à trilha sonora de sucesso “Encanto”, de acordo com uma cópia da mensagem postada por um terceiro no Twitter.

As músicas de “Encanto” foram traduzidas para russo e ucraniano e estavam sendo baixadas com frequência no YouTube. A Disney disse que as opiniões do gerente não refletem a posição da empresa como um todo.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Federação Internacional de Vôlei não realizará Mundial masculino na Rússia
Na ONU, Cuba acusa a Otan de agir com “hipocrisia” sobre questão russa
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News