Terça-feira, 28 de Maio de 2024

Home Mundo Entenda por que o 20º Congresso do Partido Comunista Chinês é diferente dos demais

Compartilhe esta notícia:

Por mais de duas décadas, um novo secretário-geral foi nomeado em todos os outros congressos do Partido Comunista Chinês.

Mas desde a última cerimônia em 2017, o presidente Xi Jinping sinalizou planos para manter um controle firme sobre todos os aspectos do que é considerado uma tríade de poder na China: controle sobre o partido, o Estado e os militares.

No referido ano, Xi rompeu com a tradição e não elevou um potencial sucessor ao Comitê Permanente.

Meses depois, a legislatura eliminou os limites de mandato para presidente da China. Isso foi amplamente visto como uma medida que permitiria que Xi continuasse até um terceiro mandato como chefe de Estado, ao mesmo tempo em que mantinha seu controle do partido – onde está o verdadeiro poder.

Embora não haja limites formais de mandato para o secretário-geral, permanecer no cargo principal do partido também exigiria que Xi rompesse com outra regra não escrita: o limite de idade informal da legenda.

Abandonando os limites de mandato

A regra determina que os altos funcionários com 68 anos ou mais na época do congresso se aposentem. Aos 69 anos, Xi desprezaria essa convenção recente permanecendo no poder.

O que é menos claro é se ele tentará conceder isenções a outros aliados, interrompendo um dos poucos métodos neutros que o partido tem para garantir a rotatividade. Ou se, por outro lado, ele poderia reduzir a idade de aposentadoria para outros para expulsar alguns membros existentes.

Mudando a constituição

Xi também deve fortalecer seu legado, provavelmente por meio de emendas à constituição do partido – uma característica regular de cada congresso. No mês passado, foram discutidas essas mudanças durante uma reunião agendada, de acordo com um comunicado do governo que não incluiu detalhes.

Em 2017, Xi se tornou o primeiro líder desde Mao Zedong – fundador da China comunista – a ter sua filosofia acrescentada à Constituição enquanto ainda estava no poder. Os servidores sugeriram que os princípios-chave de Xi podem ser mais consagrados desta vez.

Esses detalhes serão sinais de quanto poder Xi detém dentro dos escalões superiores do partido – e quão forte é seu apoio ao entrar em seu esperado terceiro mandato, que quebra as normas, liderando um dos países mais poderosos do mundo.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Presidente dos Estados Unidos diz que o plano econômico original da primeira-ministra britânica é um erro
Estudo aborda transmissão de varíola dos macacos por superfície
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde