Domingo, 28 de Novembro de 2021

Home Ciência Estudante gaúcha participa de encontro global com vencedores do Prêmio Nobel

Compartilhe esta notícia:

A pós-graduanda Inaê Dutra Valério, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), está entre 16 estudantes brasileiros selecionados para uma reunião virtual com cinco vencedores do Prêmio Nobel no dia 16 de novembro, das 13h às 16h. O encontro vai discutir o impacto da ciência e o papel dos cientistas na sociedade.

Organizado pelo Nobel Prize Outreach, pela Academia Brasileira de Ciências (ABC) e pela Rede Interamericana de Academias de Ciências (IANAS), o evento será transmitido para o mundo inteiro pelo canal do Prêmio Nobel no Youtube. No total, 80 estudantes de 24 países da América Latina e do Caribe foram selecionados. O Brasil será o país com o maior número de participantes, com 16.

O Diálogo Prêmio Nobel América Latina e Caribe terá a presença de nomes de peso como a microbióloga francesa Emmanuelle Charpentier, vencedora do Nobel de Química em 2020 por criar, junto com a norte-americana Jennifer Doudna, uma ferramenta revolucionária capaz de editar a estrutura do DNA humano, que ficou conhecida pelo acrônimo CRISPR.

Além de Charpentier, participarão do encontro a australiana Elizabeth Blackburn e a norueguesa May-Britt Moser, vencedoras do Nobel de Medicina em 2009 e 2014, respectivamente; o norte-americano Saul Perlmutter, Nobel de Física em 2011; e o holandês Bernard Feringa, Nobel de Química em 2016.

Divididos em cinco salas virtuais, os estudantes debaterão questões como a responsabilidade dos cientistas e a construção de diálogos entre a ciência, os atores políticos e a sociedade. Os cinco Prêmio Nobel também vão propor desafios científicos aos jovens e responderão a questões propostas pelos estudantes.

“Esse encontro é uma oportunidade fantástica para que os estudantes conheçam mais sobre o trabalho e também a vida dos vencedores do Prêmio Nobel. Para que eles saibam como esses cientistas chegaram até lá. Nosso foco é incentivar aspirantes a cientistas a continuarem no caminho da pesquisa científica, que se interessem por questões como a natureza humana e o universo e ajudem no desenvolvimento do Brasil e da América Latina em geral”, disse o presidente da ABC, Luiz Davidovich.

Américas em foco

Este é o segundo encontro da parceria entre o Nobel Prize Outreach e a ABC, desta vez com estudantes da América Latina e do Caribe no evento, trazendo mais pluralidade para as discussões. A região enfrenta desafios como mudanças climáticas, instabilidade política e desigualdades sociais, além de ter sido uma das que mais sofreram as consequências da pandemia da COVID-19 no mundo.

“Queremos inspirar essa nova geração de cientistas a trabalhar juntos, tanto em equipe quanto como ao lado da sociedade, e a usarem a ciência para enfrentar os grandes desafios que temos à nossa frente”, contou a CEO da Nobel Prize Outreach, Laura Sprechmann.

E é justamente para dar resposta a todos esses desafios da região que o encontro foi organizado, segundo o co-presidente da IANAS e vice-presidente da ABC, Helena Nader.

“Os países da América Latina e do Caribe enfrentam enormes desafios que, para serem superados, demandam conhecimento e comprometimento com a verdade, especialmente em uma época na qual convivemos com valores anticiência. A construção de soluções para muitos dos problemas que enfrentamos hoje, assim como outros que ainda surgirão, virão dos jovens. Ao reunir estudantes talentosos com vencedores do Prêmio Nobel, esperamos inspirar e estimular a formação de uma nova geração de cientistas que terão um papel fundamental para ajudar a construir um futuro melhor para a região”, afirmou.

O programa será moderado pelo diretor científico da Nobel Prize Outreach, Adam Smith, e a professora de psicologia clínica integrativa e membro do comitê do Prêmio Nobel Juleen Zierath

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Ciência

Estado de São Paulo registra primeiro dia sem mortes por Covid desde o início da pandemia
Porto-alegrenses fizeram mais de 2,5 mil viagens gratuitas de bicicleta para se vacinar
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa