Domingo, 23 de Junho de 2024

Home Rio Grande do Sul FAB suspende temporariamente a coleta de água e roupas para o RS; saiba o que doar

Compartilhe esta notícia:

A Força Aérea Brasileira (FAB) anunciou a suspensão temporária do recebimento de doações de água e roupas nas bases aéreas com destino a população do Rio Grande do Sul. Segundo a instituição, já há estoque suficiente dos dois itens para atender as demandas do Estado.

“Estamos concentrando nossos esforços em processar e entregar essa extraordinária quantidade de donativos”, escreveu em nota.

A decisão, feita em coordenação com os Correios, já está valendo. Também nesta semana, os Correios anunciaram que não estão mais recebendo doações de roupas para os desabrigados do RS, mas seguem aceitando água e outros tipos de produtos e encaminhando para os desabrigados.

Confira dicas de como facilitar a separação das doações:

* Cestas básicas devem ser entregues já fechadas ou com os alimentos reunidos em sacos transparentes.

* O ideal é que os itens de higiene pessoal sejam entregues reunidos em kits, em sacos transparentes.

* Separe os itens por categorias e coloque em caixas ou sacolas que podem ser fechadas/amarradas.

* Coloque em caixas ou sacola com boa vedação, com cuidado para não haver rasgos ou furos.

Além de abrirem as agências para servirem como pontos de coleta, os Correios também fazem o transporte gratuito dos donativos às zonas atingidas. Quem doa, não precisa pagar pelo envio.

São mais de 10 mil unidades, em todos os Estados e no Distrito Federal. No Rio Grande do Sul, há uma lista de agências em funcionamento.

Também é possível se inscrever como voluntário para ajudar na coleta e organização dos itens para doação.

“A empresa está recrutando pessoas para apoio nas cidades de Brasília (SOF Sul) e nos municípios de Cajamar e Guarulhos, na Grande São Paulo”, diz a empresa.

“O apoio será necessário nos municípios de Cajamar e Guarulhos, no estado de São Paulo; em Brasília (DF), no Setor de Oficinas Sul/SOF Sul; e em Curitiba, Cascavel e Londrina, no Paraná.”

Lista de agências

As agências ativas no Rio Grande do Sul são: São Borja, Santo Ângelo, Santa Rosa, Canoas, Esteio, Sapucaia do Sul, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Campo Bom, Sapiranga, Parobé, Taquara, Montenegro, Pelotas, Rio Grande, Camaquã, Bagé, Jaguarão, São Lourenço do Sul, Anta Gorda, Arvorezinha, Butiá, Cachoeira do Sul, Charqueadas, Estrela, Fontoura Xavier, Guaporé, Ilópolis, Mato Leitão, Nova Brescia, Pântano Grande, Rio Pardo, Salto do Jacuí, Santa Cruz do Sul, Sobradinho, Teutônia, Taquari, Venâncio Aires e Vera Cruz.

Em Porto Alegre, a arrecadação ocorre nos Centros de Distribuição Domiciliária Vila Jardim, (Avenida Saturnino de Brito, 46, Vila Jardim), Antônio de Carvalho (Avenida Bento Gonçalves, 6613), Restinga (Estrada Barro Vermelho, 59) e Cavalhada, (Camaquã, 408).

O que doar?

A doação de outros itens segue sendo necessária e podem ser doadas em qualquer base da força aérea do Brasil de força gratuita, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. Os itens serão entregues à Defesa Civil de RS. Veja quais são os itens:

* Materiais de higiene pessoal;

* Materiais de limpeza;

* Alimentos da cesta básica;

* Ração para pets.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Ministério da Ciência: plataforma do governo apontava o RS com baixo risco para inundações, enxurradas e alagamentos
Núcleos provisórios para desabrigados de Porto Alegre e outras três cidades devem ser concluídos em até 20 dias
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde