Terça-feira, 25 de Junho de 2024

Home Rio Grande do Sul Famílias começam a deixar as casas devido à cheia do Rio Taquari

Compartilhe esta notícia:

Com as fortes chuvas que atingem o Rio Grande do Sul desde segunda-feira (2), o Rio Taquari começou a transbordar na manhã desta terça-feira (3). Em Lajeado, a Defesa Civil aponta que ao menos 20 famílias já deixaram as suas casas e cinco estão desalojadas. Em cinco caminhões disponibilizados pela prefeitura, as primeiras pessoas se deslocaram para casa de familiares. Pela manhã, o rio chegou a 19 metros, nível considerado o marco de início da inundação.

O município ofereceu a estrutura do ginásio do Parque do Imigrante para receber os primeiros desabrigados. O local serviu de abrigo também durante as grandes enchentes que atingiram a cidade em julho de 2020, quando mais de duas mil pessoas tiveram que sair de casa.

Problemas em outros municípios

Cidades da região ainda não registraram desalojados ou desabrigados, mas já apresentam problemas em função do alto volume do Taquari. Em Arroio do Meio, ruas próximas à margem do rio já estão bloqueadas pela água.

O monitoramento do departamento de hidrologia da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) aponta que os rios Caí e Cadeia, no Vale do Caí, também estão em elevação e prestes a transbordar. Autoridades já se preparam para auxiliar as famílias ribeirinhas .

Também estão em estado de atenção o entorno do Rio das Antas, Rio Pardo e Rio dos Sinos, que também registram elevação.

Novo alerta da Defesa Civil

A Defesa Civil gaúcha emitiu novo alerta na tarde desta terça-feira (3) sobre possibilidade de chuvas frequentes e rajadas de vento de até 90 km/h, com risco de transbordamento de rios.

A vigência do alerta é até 15h30 desta quarta (4). O órgão pede que, em caso de emergência, a população ligue para os telefones 190 ou 193.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Após reunião com o presidente do Senado, ministro do Supremo Luiz Fux diz que instituições atuam em prol da democracia
Rio Grande do Sul tem uma das menores médias móveis de mortes na pandemia
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde