Quinta-feira, 02 de Dezembro de 2021

Home Brasil Governo do Maranhão flexibiliza uso de máscara em locais fechados

Compartilhe esta notícia:

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), anunciou em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (11), o uso opcional de máscara em ambientes fechados em cidades com 70% da população vacinada com duas doses ou dose única contra a Covid-19.

O decreto que autoriza a medida foi publicado nesta quinta-feira. Flávio Dino explicou a decisão foi tomada após uma reunião com médicos infectologistas, com base nos números da pandemia e da vacinação contra o novo coronavírus no Maranhão.

Segundo o governador, até esta quarta-feira (10), segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES), 66 pessoas estão internadas com Covid-19 em hospitais da rede estadual e privada. E nos últimos 15 dias, apenas seis óbitos foram registrados no estado.

“Eu mesmo conversei com médicos infectologistas para chegar a este novo decreto. Todos os números que estamos apresentando em nosso estado mostram o efeito poderoso da vacinação. E com base ao avanço da vacinação, nós estamos desconfiando que podemos dar esse passo importante”, disse.

Veja, a partir de agora, como fica determinado o uso de máscaras no Maranhão:

  • Uso facultativo da máscara em locais abertos em todo o estado (municípios podem editar normas exigindo o uso da máscara);
  • Uso opcional da máscara em locais fechados em cidades com mais de 70% da população vacinada com duas doses ou a dose única;
  • Uso obrigatório em locais fechados em cidades com menos de 70% da população vacinada
  • Cidades com menos de 70% da população vacinada: se estabelecimento exigir comprovante das duas doses ou dose única para o acesso, máscara é opcional.

Reuniões e eventos

O governador também anunciou novas medidas voltadas para a realização de reuniões e eventos em todo o Maranhão. Os eventos devem seguir as regras sanitárias editadas pelos municípios e ter taxa de contaminação menor que 1.

Além disso, os municípios devem observar as regras sobre o uso de máscaras, o avanço da vacinação na cidade e a taxa de ocupação de leitos.

“Tenho viajado muito, converso com as equipes de saúde e prefeitos e muitos dizem que há meses não tem casos de coronavírus nas suas cidades. Então, como vamos manter o uso de máscara se neste caso, há um controle da situação pandêmica no Maranhão?”, questionou o governador.

Serão mantidas outras normas sanitárias em combate e controle à Covid-19. Dentre elas, está a limpeza das mãos e ambientes arejados e o afastamento, por 14 dias, de funcionários e servidores com sintomas da doença.

Dose de reforço da vacina

Durante a coletiva, o governador anunciou o início da aplicação da 3ª dose da vacina contra a Covid-19 em pessoas com 50 anos ou mais.

Segundo Flávio Dino, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) está orientando os municípios que possuem vacinas estocadas, que em vez de devolver ao Estado, eles possam iniciar a vacinação deste público.

“A SES está orientando os municípios para caso eles tenham vacinas estocadas, em vez de devolver ao Estado, que eles iniciem a 3ª dose de vacina neste público. E tudo indica que as doses de reforço vão acontecer para toda a população e nós estamos antecipando esta ação”, explicou o governador.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Quase 58% da população brasileira está totalmente imunizada contra a Covid
Apesar da vacina, 86% dos brasileiros têm medo de uma nova onda de covid em nosso país
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Madrugada