Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2022

Home Rio Grande do Sul Governo do RS anuncia investimento de quase 11 milhões de reais em pavimentação de rota turística entre o Vale do Taquari e a Serra

Compartilhe esta notícia:

O governador Eduardo Leite assinou, nesta sexta-feira (3), convênios para a pavimentação do Caminho do Pão e do Vinho, rota turística que engloba os municípios de Muçum, Roca Sales e Santa Tereza, no Vale do Taquari. A assinatura ocorreu em Roca Sales, com a participação do vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, do secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, e do secretário de Turismo, Ronaldo Santini.

No total, serão pavimentados 6,1 quilômetros, com investimento de R$ 10,9 milhões, inclusos no Plano de Obras anunciado em junho. Desses R$ 10,9 milhões, R$ 9,8 milhões são provenientes do governo do Estado, e R$ 1,1 milhão serão investidos pelas prefeituras. Além do governador, os prefeitos Amilton Fontana (Roca Sales), Gisele Caumo (Santa Tereza) e Mateus Trojan (Muçum) também assinaram os contratos.

“Apresentamos uma agenda de transformação que só foi possível graças à coragem e firmeza dos nossos deputados estaduais, que nos apoiaram. Foi graças a essas reformas que estamos hoje celebrando convênios para a realização de obras, não só no Vale do Taquari, mas em muitas outras regiões”, destacou Leite.

A obra resultará na ligação asfáltica entre o Vale do Taquari e a Serra, a principal região turística do Estado. Além de fortalecer o turismo com referência na cultura italiana, que envolve roteiros turísticos e produtos coloniais, a rota será mais uma alternativa para o escoamento da produção entre duas regiões atuantes na agricultura e na indústria.

“Essa parceria com os municípios viabiliza não apenas uma importante rota turística, mas também uma ligação asfáltica que contribuirá significativamente para a economia do Rio Grande do Sul”, disse o secretário Costella. “Uniremos duas regiões com forte atividade agrícola e industrial, o que reduzirá custos logísticos e atrairá novos investimentos”, acrescentou.

O maior investimento será feito em Santa Tereza, no valor de R$ 6 milhões, para a pavimentação de 3,2 quilômetros. O trecho vai da estrada intermunicipal (chamada de linha geral) até o limite com Roca Sales. O convênio prevê o investimento de R$ 5,45 milhões pelo Daer e uma contrapartida municipal de R$ 605,6 mil.

Em Muçum, o convênio prevê o investimento de R$ 1,2 milhão na pavimentação de 1,3 quilômetro – da linha geral até o limite com Roca Sales. O Estado, por meio do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), investirá R$ 1,1 milhão, e a contrapartida do município será de R$ 122,3 mil.

Em Roca Sales, serão R$ 3,59 milhões para a pavimentação de 1,6 quilômetro, da linha geral até o limite com Santa Tereza. A contrapartida municipal será de R$ 359,5 mil, e o Estado entrará com R$ 3,2 milhões. Durante o evento, o governador surpreendeu ao anunciar mais R$ 5 milhões para o município, em convênio que ainda será assinado.

Leite justificou a medida ao ressaltar a vocação empreendedora do Vale do Taquari. “Todos os convênios assinados hoje são uma conquista coletiva de uma região já tão empreendedora e que, agora, está cada vez mais consolidada no ramo do turismo. Precisamos dar condições para que o turista tenha conforto para ter experiências positivas, que leve boas lembranças para falar bem da gente lá fora, e uma estrada pavimentada faz toda a diferença para consolidar uma vocação turística”, reforçou.

Para o secretário de Turismo, Ronaldo Santini, o investimento muda a realidade dos moradores do Vale do Taquari. “Tenho o privilégio de participar dessa entrega de transformação de infraestrutura e de turismo. A vida precisa ser encarada como uma viagem, e não como um destino. E a viagem que estamos hoje iniciando vai trazer muito mais potencialidade para a região, e vai promover a ligação mais importante entre duas importantes regiões na tão sonhada rota do Pão e do Vinho”, ressaltou.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Equipe do ministro Paulo Guedes terá mudanças com nova “supersecretaria”
Dezesseis capitais brasileiras exigem passaporte da vacina em eventos; saiba as regras
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde