Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022

Home Flávio Pereira Lucro elevado da Petrobras elevou salário de diretores para R$ 31 milhões

Compartilhe esta notícia:

A regra de participação dos diretores da Petrobras no lucro da estatal pode ter sido um dos motivos para que a busca de lucratividade cada vez maior, em detrimento do compromisso social, fosse uma meta constante nos últimos anos. Dados oficiais do governo mostram que de 2020 a 2021 os salários dos diretores da Petrobras saltaram de US$ 2,8 milhões para US$ 6,1 milhões (R$ 31 milhões), segundo a Secretara de Controle das Estatais, do Ministério da Economia.

Privatizada, Petrobrás terá maior valor de mercado

Ontem, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que se a Petrobrás for colocada no mercado, o seu valor de mercado passaria dos atuais R$ 450 bilhões para R$ 750 bilhões. Com isso, o governo arrecadaria mais de R$ 250 bilhões, por ser dono de mais de um terço da empresa. Paulo Guedes sugere que “esse valor deveria ser ‘devolvido ao povo’. “Vamos fazer um fundo de arrecadação da pobreza, de um lado, e o fundo de reconstrução nacional de outro lado, com o BNDES gerindo isso”, sugeriu Guedes.

Preocupado com a PEC que revoga decisões da Corte, presidente do STF reúne senadores

A PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que tramita na Câmara dos Deputados, assinada pelo deputado federal Domingos Sávio (PL-MG), que abre a possibilidade dos legisladores suspenderem decisões da Suprema Corte que tenham “transitado em julgado sem aprovação unânime dos seus membros” e desde que “extrapole os limites constitucionais” passou a preocupar o presidente do STF. Ontem, Luix Fux reuniu-se para um café com o presidente do Senado Rodrigo Pacheco e um grupo de 11 senadores para discutir a proposta que tramita por enquanto na Câmara, e começa a ganhar apoio junto à maioria das bancadas. A necessidade de manter-se a independência entre os poderes, e críticas veladas à intromissão de ministros do STF em temas de competência privativa dos demais poderes, foram abordados na reunião. Em nota, o presidente do STF Luiz Fux explicou que “durante a conversa foram tratados diversos temas como a competência das duas Casas, o papel das instituições, a importância do diálogo e da necessária harmonia e independência entre os três Poderes”.

Com esquerda no poder, Argentina segue ladeira abaixo

Só comparada à Venezuela, a gestão da economia pelo governo de esquerda de Alberto Fernández na Argentina segue ladeira abaixo. Com uma inflação de 5,1% em maio, o acumulado dos últimos 12 meses na Argentina chegou a 60,7%, o pior índice dos últimos 30 anos, superando os 58% do acumulado registrado em abril. E, apesar da desaceleração – a inflação tinha sido de 6% em abril e 6,7% em março –, as perspectivas para o ano são ainda piores: a previsão para o índice fechado de 2022 é de 72,6%. Os números estão muito distantes da projeção inicial do governo argentino para o ano, que era de 33%, e também da faixa de 38% a 48% prevista no acordo de refinanciamento de parte da dívida argentina com o FMI, assinado em março.

Com Salermo, MDB assume o comando da Famurs

Ao tomar posse ontem como novo presidente da Famurs, a Federação das Associações de Municípios do Rio Grane do Sul (Famurs), o prefeito Paulo Salermo, reeleito em Restinga Sêca com mais de 76% votos em 2020, Paulo Salerno (MDB) mostrou sua preocupação com o corte na receita das prefeituras a partir do próximo ano. Ele afirmou que “os municípios deverão efetuar cortes nos investimentos que não são de custeio. Possivelmente, teremos de ter cautela em investimentos novos que estavam previstos”. Salermo pertence ao MDB e assume no sistema rotativo que divide os mandatos da Famurs entre os quatro partidos com maior numero de prefeitos. A posse aconteceu durante o 40º Congresso de Municípios do Rio Grande do Sul, que se encerra nesta quarta-feira no Recanto Maestro, entre Restinga Seca e São João do Polesime.

Marlon Junior, filho do deputado Marlon Santos, morre aos 23 anos

O deputado federal cachoeirense, médium, ex-vereador e ex-prefeito de Cachoeira do Sul, Marlon Santos, confirmou ontem à tarde, o falecimento de seu filho, o jovem Marlon Oliveira da Rosa, de 23 anos, por complicações decorrentes de um acidente de trânsito ocorrido sábado (18). A confirmação foi feita pelo pai por meio de um vídeo em tempo real gravado em sua página no Facebook. Marlon Santos confirma ainda que a família optou pela doação de órgãos, sendo essa uma opção por fazer o que Marlon Júnior “gostaria que fosse feito”. Segundo Marlon, o momento em que acontecerá a captação dos órgãos é imprevisível, pois dependerá de deslocamento da equipe médica especializada em executar o procedimento.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Flávio Pereira

Eduardo Leite recua e renuncia à pensão de ex-governador
Governo do PT pode decretar “situação de emergência” para romper regras fiscais e sequestrar saldos em bancos
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa