Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022

Home Esporte Max Verstappen fecha a sexta-feira à frente e está confortável em Montreal

Compartilhe esta notícia:

Max Verstappen está confortável em Montreal. O holandês, que lidera o campeonato, dominou as duas sessões de treinos livres no Circuito Gilles Villeneuve nessa sexta-feira (17). O piloto da Red Bull figurou no topo da tabela de tempos desde o minuto inicial e fez a melhor volta do dia com 1min14s127.

Se o 1º lugar ficou com o mesmo piloto no TL1 e no TL2, as demais posições mudaram. O 2º posto ficou com Charles Leclerc, da Ferrari, apenas 0s081 atrás de Verstappen. Carlos Sainz, também da Ferrari, fechou o top3.

Fernando Alonso foi um dos destaques do dia. O veterano da Alpine havia terminado o TL1 em 3º e foi o 5º mais rápido na segunda sessão, mostrando que o carro azul tem bom potencial na pista de Montreal.

Max Versappen foi o primeiro a marcar um tempo de referência, com 1min15s618, ainda de pneus médios. Ele próprio se superou, fazendo 1min15s096 e 1min14s792 logo em seguida, melhor marca do dia até então.

Nos minutos iniciais, Charles Leclerc andava em 2º, mas meio segundo mais lento que Verstappen e utilizando pneus macios. Pouco depois, Fernando Alonso, que repetia o 3º lugar do TL1, fez o 2º tempo, 0s333 acima do líder.

Verstappen aproveitava bem o primeiro jogo de pneus médios e melhorou ainda mais sua marca, chegando a 1min14s532. Leclerc superou Alonso e passou a ser 2º, mas ainda quase 3 décimos mais lento que Verstappen mesmo com pneus mais macios.

Carlos Sainz insistia no rádio que o problema dos quiques da Ferrari estava ainda pior que no TL1. George Russell também relatava problema semelhante.

Verstappen seguia sobrando. Quando finalmente colocou os pneus macios, o holandês virou 1min14s127 e ampliou sua vantagem na liderança. Perez veio em seguida, mas ficou 1 segundo acima do tempo de Verstappen, na 5ª posição. Leclerc, finalmente, se aproximou de Verstappen, ficando a apenas 0s081 do tempo do rival.

Com todos os carros tendo feito voltas com pneus macios, a 25 minutos do fim, o top 10 era composto por: Verstappen, Leclerc, Sainz, Vettel, Alonso, Gasly, Russell, Norris, Ricciardo e Ocon. Coincidentemente, esses 10 eram os únicos no mesmo segundo. Hamilton era apenas o 12º, atrás de Perez.

Mais uma vez, a Alfa Romeo apresentava problemas de confiabilidade. Valtteri Bottas sofria com problemas em seu carro e não conseguiu marcar um tempo. Ele chegou a sair dos boxes pelo menos duas vezes, mas precisou voltar para a garagem antes de acelerar a fundo.

A partir dos 20 minutos finais, começaram as simulações de stint longo visando as estratégias de corrida. A tabela de tempos se manteve inalterada.

Os preparativos para o GP do Canadá continuam no sábado (18), com o terceiro treino livre às 14 horas e a classificação às 17 horas. A corrida está prevista para o domingo (18), com largada às 15 horas.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Brasileiro vence prova dos 400 metros com barreiras na Noruega
Conheça cinco cidades e impérios “perdidos” que foram redescobertos por arqueólogos
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa